IOS abre 1.140 vagas para cursos profissionalizantes gratuitos

dica

O Instituto da Oportunidade Social (IOS) acaba de abrir 1.140 vagas para cursos gratuitos de formação profissional de adolescentes, jovens e pessoas com deficiência em todas as suas unidades no Brasil: 840 vagas na Grande São Paulo, 100 vagas em Belo Horizonte, 100 em Joinville e 100 no Rio de Janeiro.

Siga todas as novidades da Forbes Insider no Telegram

Com duração de quatro meses, os cursos preparam os alunos entre 15 e 29 anos (que estejam cursando ou concluíram o Ensino Médio, preferencialmente na rede pública de ensino) para o mercado de trabalho na área de administração, a partir dos cursos: Gestão Empresarial (ERP-TOTVS) e Atendimento ao Cliente (Zendesk). Já na área de tecnologia, os cursos oferecidos são: Programação e Infraestrutura, Montagem e Manutenção de Computadores. Além dos conceitos administrativos com aulas práticas nos softwares, educação digital, português e matemática, empregabilidade, cidadania e comportamento (soft skills), a grade inclui conceitos e práticas sobre vivência corporativa, onde os alunos aprendem a elaborar e-mail, apresentações, participar de reuniões, ter visão do negócio até fazer o briefing de um produto.

Os cursos são gratuitos, incluindo uniforme e material didático, e serão realizados de forma online com encontros presenciais nas unidades do IOS, obedecendo aos protocolos de segurança e saúde contra a pandemia. A instituição vai fornecer, ainda, internet aos alunos para o acesso exclusivo à plataforma das aulas online. As inscrições devem ser realizadas no site até 31 de agosto.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).