Ministério da Saúde confirma mais dois casos da variante Ômicron no Brasil

Os casos novos são de passageiros que vieram recentemente da África do Sul, em voo que passou pela Etiópia e pousou em Guarulhos (SP).

Redação
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


O Ministério da Saúde informou hoje que dois casos da variante Ômicron do coronavírus foram confirmados no Distrito Federal, elevando para cinco o número de casos identificados da nova cepa no país.

Os casos novos são de passageiros que vieram recentemente da África do Sul, em voo que passou pela Etiópia e pousou em Guarulhos (SP). Os dois tiveram resultados positivos para a Covid após chegarem a Brasília, e desde então estão em isolamento, de acordo com o governo do DF.

Os outros três casos confirmados da variante no Brasil estão em São Paulo, também de passageiros que retornaram recentemente da África. Segundo o ministério, os cinco pacientes estão com sintomas leves da Covid-19 ou assintomáticos.

A Ômicron tem gerado temores em todo o mundo de que a grade quantidade mutações que tem na proteína spike do coronavírus, usada pelo vírus para infectar as células, possa significar que a variante escape da imunidade induzida por vacinas.

Alguns fabricantes de imunizantes, no entanto, afirmam que, embora seja possível que as vacinas existentes sejam menos eficazes contra a Ômicron, é provável que os imunizantes protejam os infectados pela nova variante contra quadros graves da Covid-19.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Especialistas sul-africanos afirmaram, até o momento, que os casos da Covid-19 provocados pela Ômicron foram amenos. Cientistas no geral alertam, ao mesmo tempo, que há muitas incertezas em torno da nova variante e são necessários estudos para responder questões como a eficácia da vacina.

(Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: