Takeaway.com faz acordo para comprar Just Eat por US$ 10 bi

Henry Nicholls/Reuters
O mercado de entrega de comidas é estimado em US$ 100 bilhões no mundo

A Takeaway.com fechou acordo para comprar a Just Eat por US$ 10,1 bilhões, um negócio que criará a maior empresa de entregas de comida do mundo fora da China.

LEIA MAIS: Uber Eats é a mina de ouro secreta do Uber

A empresa combinada concorrerá com a Uber Eats e ocupará posições de liderança em muitos dos maiores mercados de entrega de comida do mundo, incluindo o Reino Unido, a Alemanha, a Holanda e o Canadá. O mercado é estimado em US$ 100 bilhões.

A Just Eat, fundada na Dinamarca em 2000, é uma plataforma online que conecta restaurantes a clientes, embora tenha recentemente começado a oferecer seu próprio serviço de entrega, como a Uber Eats e o Deliveroo, apoiado pela Amazon.

Com base no valor dos pedidos recebidos em 2018, no valor de US$ 8,1 bilhões, a empresa combinada supera a Uber Eats, que teve 7,9 bilhões em pedidos no ano passado. A Uber Eats não comentou o assunto.

Sob as regras de aquisição britânicas, a Takeaway.com tem até 24 de agosto para anunciar a intenção de fazer uma oferta ou anunciar que não fará uma oferta. O acordo terá então de ser aprovado pelos conselhos de administração e acionistas das duas empresas.

Analistas não esperam que o acordo enfrente barreiras antitruste, embora o regulador de concorrência do Reino Unido esteja considerando uma investigação completa sobre o plano da Amazon para liderar uma captação de US$ 575 milhões na rival Deliveroo, anunciada em maio.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).