Petrobras planeja vender 15 das 26 térmicas, diz diretora

iStock/Getty Images
Processo de liquidação deve começar a partir de 2020

A Petrobras planeja vender 15 das 26 térmicas do seu portfólio, em um processo de venda que deve começar a partir de 2020, como parte do programa de desinvestimentos e gestão de ativos, disse hoje (14) a diretora-executiva de Refino e Gás Natural Petrobras, Anelise Lara, após participar de seminário no Rio de Janeiro.

LEIA MAIS: Petrobras tem lucro recorde no 2º tri por venda da TAG

Em entrevista a jornalistas, ela disse também que a Petrobras pode participar de leilão A-6 de projetos de geração de energia elétrica, previsto para 17 de outubro, com entrega de energia em 2025.

Segundo a executiva, a companhia poderia participar como geradora e fornecedora de gás para empreendimentos termelétricos.

Os comentários de Lara ecoaram recentes notícias de que a Petrobras avalia criar uma subsidiária de geração de energia com seus ativos termelétricos e vender a unidade em uma oferta inicial de ações, conforme apontado em relatório de analistas da XP Investimentos, que tiveram conversa com executivos da petroleira na semana passada.

A companhia estatal opera um parque de termelétricas que somam capacidade instalada de mais de 6 mil megawatts, o que a coloca entre os maiores geradores de energia do Brasil, segundo informações do site da empresa.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).