Polícia investiga ataque à casa de CEO do Manchester United

Peter Powell/Reuters
Diretor-executivo do Manchester United, Ed Woodward

A polícia do Reino Unido abriu investigação sobre um ataque à casa do diretor-executivo do Manchester United, Ed Woodward, por pessoas encapuzadas.

Um vídeo postado nas mídias sociais mostrou o grupo reunido do lado de fora da casa em Cheshire, cantando ameaças a Woodward e lançando labaredas vermelhas sobre o portão. A mídia britânica informou que nem Woodward, de 48 anos, nem sua família estavam em casa.

“Por volta das 22h45 de ontem (28), fomos notificados de um incidente criminoso ocorrido no início da noite com um grande grupo alvejando uma propriedade na área de Nether Peover”, afirmou a polícia de Cheshire em comunicado.

LEIA MAIS: Os 20 times de futebol mais valiosos do mundo em 2019

“Felizmente ninguém ficou ferido, e os oficiais farão contato com as autoridades de segurança nos próximos dias para estabelecer todas as circunstâncias em torno deste incidente e identificar os envolvidos.”

O Manchester United ocupa o quinto lugar do Campeonato Inglês, 33 pontos atrás do líder e rival Liverpool, e Woodward tem sido alvo de críticas dos torcedores pela recente fase ruim do clube.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).