Governo zera IOF sobre crédito e posterga entrega de declaração de IRPF

ReutersConnect/Adriano Machado
ReutersConnect/Adriano Machado

O anúncio das mudanças foi feito hoje por José Tostes Neto, secretário da Receita Federal

O governo zerou alíquotas de IOF sobre operações de crédito por 90 dias e vai prorrogar para 30 de junho o prazo para entrega de declarações de imposto de renda para pessoa física.

O anúncio foi feito hoje (1) pelo secretário da Receita Federal, José Tostes Neto.

LEIA MAIS: Telefônica Brasil cede ao governo de SP dados de deslocamento para controle do coronavírus

A zeragem do IOF sobre crédito custará aos cofres públicos R$ 7 bilhões, segundo Tostes Neto.

O prazo original para entrega da declaração de IRPF era o fim de abril.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]orbes.com.br).