Conheça o Sou Osesp, programa que busca doadores para ampliar acesso à música clássica

Qualquer pessoa pode fazer parte da iniciativa e apoiar projetos que incluem formação de jovens músicos, concertos gratuitos e visitas monitoradas - e ganhar ingressos para os eventos na Sala São Paulo.

Brand Voice Osesp
Compartilhe esta publicação:

Concerto de comemoração de 15 anos da Academia da Osesp. Foto de Laura Manfredini

Acessibilidade


Os apreciadores de música clássica que apoiarem financeiramente as iniciativas da Osesp através do Programa Sou Osesp (PSO) podem abater o valor no Imposto de Renda 2022. Para isso, basta se associar e fazer o pagamento via boleto bancário até dia 17 de dezembro 2021.

Criado em 2004,  o programa nasceu com a ideia de trazer recursos para as ações de democratização da música clássica da Fundação Osesp, além do investimento na formação de jovens músicos e capacitação de professores, entre outras iniciativas. Voltado para que pessoas físicas possam apoiar a instituição, ele é fundamental para que se continue a transformar a realidade de artistas iniciantes e dar à população acesso à música de qualidade.

Existem duas opções para pessoas físicas que desejam apoiar as iniciativas da Osesp. O Sou Osesp Azul tem um investimento a partir de R$ 500,00 por ano, com opção de parcelamento em até 12 vezes e possibilidade de dedução fiscal prevista na Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Quem se associa nessa modalidade ganha direito a ingressos para concertos e ensaios da Osesp, além de participação em outros eventos da temporada. Os ingressos são distribuídos conforme disponibilidade e calendário a ser encaminhado após a efetivação da associação.

Com o Sou Osesp Verde, por apenas R$ 190 por ano (ou R$ 120 para professores), o associado obtém gratuidades e descontos em concertos, cinemas e museus, além de contribuir para a realização de todos os projetos de difusão realizados pela Fundação Osesp. 

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Ser Osesp é muito mais que frequentar a Sala São Paulo e ouvir boa música. A Osesp é parte da minha vida. Sei o quanto é importante o incentivo para alguém que está começando a carreira – quando jovem, eu mesma fui bolsista. Desde que soube do programa, percebi nele uma oportunidade de retribuir o que eu recebi na vida.” Chisleine Abreu, médica, há 14 anos é associada do PSO.

Entre os projetos mantidos pelas doações ao programa está a Academia de Música da Osesp, principal projeto de profissionalização de jovens músicos da área sinfônica no Brasil. A escola oferece educação teórica e artística, além da vivência com os corpos artísticos da Osesp, estando dividida em três classes: Instrumento, Canto Coral e Regência. Em 2021, as duas primeiras classes passaram a ser reconhecidas como Curso Técnico aprovado pela Secretaria de Educação do Estado de São Paulo.

Também são beneficiados pelas doações de Pessoas Físicas ao programa os projetos Descubra a Orquestra, de iniciação musical e formação de novas plateias destinado a professores e alunos; a série Matinais, de concertos gratuitos aos fins de semana; a série Falando de Música, com entrevistas sobre aspectos estéticos das obras, biografia dos compositores e peculiaridades do programa da semana; os Concertos Digitais, transmissões ao vivo gratuitas de concertos dos corpos artísticos da Osesp, projeto pioneiro no Brasil; as Visitas Monitoradas à Sala São Paulo (clique aqui para agendar); a Plataforma Osesp Educação, que leva os diversos programas educacionais realizados na Sala São Paulo para o ambiente digital; a Editora da Osesp; e o Selo Digital, que disponibiliza álbuns para download gratuito.

Veja a programação da Osesp aqui.

 

  • Isadora Vitti

    Quinteto de sopros

  • isadora vitti

    Visita monitorada à Sala São Paulo

Isadora Vitti

Quinteto de sopros

 

* BrandVoice é de responsabilidade exclusiva dos autores e não reflete, necessariamente, a opinião da FORBES Brasil e de seus editores.

Compartilhe esta publicação: