Nescau investe em parceria com Ambipar Boomera para reciclar embalagens

Além de incentivar a prática de esportes, iniciativa com a Boomera beneficia catadores de materiais recicláveis.

Brand Voice Ambipar
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

Embalagens de sachês de Nescau viram traves de futebol, cestas de basquete e postes de vôlei

Acessibilidade


Tecnologia inovadora e sustentabilidade são os conceitos que marcam a parceria entre a Nestlé e a Ambipar Boomera. As empresas se uniram em prol do incentivo ao esporte e pela sustentabilidade, além de terem beneficiado catadores de materiais recicláveis em cooperativas por todo o Brasil. A Boomera transformou embalagens de sachês de Nescau em itens esportivos: traves de futebol, cestas de basquete e postes de vôlei que foram doados para a ONG Bairro da Juventude, sediada em Criciúma (SC).

Fundada em 1949, a entidade oferece educação e assistência a crianças e jovens do município. Além de oficinas culturais e esportivas, a ONG mantém dois centros educacionais e oferece cursos profissionalizantes gratuitos.

LEIA MAIS: Com foco em ESG, Ambipar cria tecnologia de reflorestamento

A Boomera desenvolveu, a partir das embalagens de Nescau, a Resina PET PCR, um tipo de polímero que tem menor gasto de energia em sua produção. Entre os beneficiados, estão também catadores de material reciclável das cooperativas homologadas pela Boomera, que participaram recolhendo e separando os materiais utilizados. 

“Nós buscamos completar o ciclo da circularidade, transformando algumas de nossas embalagens em novos produtos, e, ainda, contribuindo para um trabalho tão importante que é o da reciclagem de materiais. O projeto trouxe um impacto ambiental importante, mas também um grande impacto social para a comunidade”, comenta Cristiani Vieira, gerente de Sustentabilidade Ambiental da Nestlé.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A coleta dos sachês usados durou cinco meses e envolveu dez cooperativas de reciclagem. Já o processo de transformação e desenvolvimento da resina pela Boomera foi realizado em mais cinco meses, considerando todos os testes necessários para garantir a performance dos produtos.

LEIA MAIS: Ambipar lança app para compra de créditos de carbono por pessoa física

Para Abner Bezerra, gerente de Marketing de Nescau e Bebidas da Nestlé, o projeto vai ao encontro do objetivo da marca. “Transformar nossas embalagens em produtos esportivos faz com que a Nestlé siga investindo e apoiando a prática de esportes. Queremos jogar junto com nossos parceiros, com a sociedade, com as crianças e com as famílias e ainda cuidar do planeta”, reitera Bezerra.

A Boomera tem um laboratório de engenharia de materiais para desenvolver resinas recicladas e para descobrir aplicações para diversos tipos de materiais. Já foram inseridas mais de 131 mil toneladas de lixo plástico na sua cadeia circular e a companhia tem duas fábricas com operação verticalizada para produzir matéria-prima e produtos circulares em larga escala.

Fundada em 2011 e agora parte do Grupo Ambipar, a Boomera já desenvolveu parcerias com mais de 500 cooperativas com uma metodologia própria, reconhecida mundialmente por promover processos contínuos de melhoria entre as cooperativas.

“Acreditamos que as cooperativas possuem um papel importante na logística reversa e beneficiamento de resíduos no Brasil, promovendo a inclusão social e impacto ambiental positivo. Por isso, trabalhamos para aumentar a resiliência das cooperativas alavancando três indicadores principais: eficiência produtiva, renda média dos trabalhadores, além de saúde e segurança do trabalho”, pontua Guilherme Brammer, CEO da Boomera Ambipar.

* Brand Voice é de responsabilidade exclusiva dos autores e não reflete, necessariamente, a opinião da FORBES Brasil e de seus editores.

Compartilhe esta publicação: