5 truques para construir sua marca pessoal no LinkedIn

Qualquer pessoa que esteja em busca de deixar sua marca profissional, seja ela freelancer, dona de uma startup ou uma universitária recém-formada, tem que saber que uma boa divulgação é a alma do negócio. Portanto, não cometa o erro de ignorar as oportunidades que o LinkedIn oferece neste sentido. Se alguém se interessar profissionalmente por você, buscará o seu perfil na rede social. É inevitável.

LEIA MAIS: 6 piores maneiras de vender a sua imagem

Mas há alguns truques que podem ajudar. Veja na galeria de fotos 5 artifícios que permitem criar uma marca pessoal exemplar no LinkedIn:

  • 1. Faça um sumário instigante

    Quando se trata de fazer as conexões e os movimentos corretos para uma autopromoção positiva, o sumário na rede social é a chave. Não basta simplesmente jogar lá algumas informações biográficas. Reserve um tempo para escrever algo instigante, interessante e que realmente o represente.

    Comece seu sumário com uma frase poderosa. Muitas pessoas pulam esta etapa, o que é um erro. Na sequência, conte a sua história – que é única. Lembre-se de que você tem apenas 2.000 caracteres para impressionar. Uma dica é, antes de começar, escrever todas as suas qualidades, valores e realizações em um papel. Use isso como fonte de inspiração enquanto escreve sua descrição.

  • 2. Use recursos visuais para causar impacto

    O LinkedIn é uma plataforma muito visual. Infelizmente, você não se dá conta disso ao observar muitos dos perfis e dos conteúdos disponíveis por lá. Mas a rede social permite adicionar fotos, vídeos, apresentações de slides e até áudios. Ou seja, a sua história não precisa ficar limitada ao texto.

    Portanto, crie um vídeo que o apresente para os novos seguidores e compartilhe sua história. Ou melhore seu conteúdo com boas fotos – inclusive de perfil – e apresentações.
    Por fim, caso você ainda não tenha feito isso, coloque uma boa e profissional foto de perfil. Isso pode ajudar as pessoas a se lembrarem de você e a se sentirem mais conectadas.

  • 3. Otimize o cabeçalho do seu perfil

    Se você olhar para o perfil de alguém no LinkedIn, há muitas chances de que a primeira coisa que você note é o cabeçalho. O que muita gente não sabe é que ele pode ser customizado. Para fazer isso, é só clicar no botão “edit background”.

    O próprio LinkedIn fornece um bom estoque de imagens. Entretanto, embora essa opção seja melhor do que nada, não é a ideal. Você terá melhores resultados se criar algo personalizado. Se tiver algum dinheiro para investir, contrate um profissional que faça gráficos que complementem o cabeçalho do seu perfil. Caso contrário, você pode arriscar com as suas próprias habilidades no photoshop ou usar boas ferramentas como o Canva.

  • 4. Inclua recomendações de clientes e de outros profissionais

    O que você fala sobre você mesmo no LinkedIn é muito importante. Entretanto, o que as outras pessoas falam sobre você é 100 vezes mais significativo. Portanto, converse com alguns dos seus contatos e peça por recomendações e indicações. É claro que você também deverá ser generoso e recíproco com as sinceras recomendações que recebe. Quando completar um projeto de sucesso, não seja tímido. Peça para que seus satisfeitos clientes se conectem a você na rede social (caso isso ainda não tenha acontecido), e dê a eles seu selo de aprovação.

    Quando se trata se construir referências, há poucas coisas no LinkedIn que são mais importantes do que ganhar recomendações das pessoas certas. Lembre-se que ser sincero e generoso com suas recomendações é um dos melhores meios de ganhar seu próprio apoio.

  • 5. Seja um usuário ativo

    Uma dica importante é pensar no LinkedIn como se ele fosse como qualquer outra rede social, como o Facebook e o Twitter, afinal, é isso o que ele realmente é. Não crie simplesmente seu perfil e o deixe lá, parado. Participe! Você pode começar a usar o publicador do LinkedIn para escrever e compartilhar bons conteúdos com o seu público-alvo. Essa é uma boa maneira de garantir um interesse contínuo no seu perfil e estabilizar uma certa liderança. Também pode ser interessante compartilhar atualizações diárias.

    Uma boa ferramenta oferecida pelo LinkedIn é a que informa, automaticamente, aos seus seguidores e contatos quando você posta um novo conteúdo. Isso é quase como ter a sua própria ferramenta de autopromoção.

    O LinkedIn é uma plataforma poderosa para construir sua marca pessoal. Por isso, tente utilizar alguns desses truques para conseguir o máximo de presença na rede social.

1. Faça um sumário instigante

Quando se trata de fazer as conexões e os movimentos corretos para uma autopromoção positiva, o sumário na rede social é a chave. Não basta simplesmente jogar lá algumas informações biográficas. Reserve um tempo para escrever algo instigante, interessante e que realmente o represente.

Comece seu sumário com uma frase poderosa. Muitas pessoas pulam esta etapa, o que é um erro. Na sequência, conte a sua história – que é única. Lembre-se de que você tem apenas 2.000 caracteres para impressionar. Uma dica é, antes de começar, escrever todas as suas qualidades, valores e realizações em um papel. Use isso como fonte de inspiração enquanto escreve sua descrição.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).