5 erros que quase todos os palestrantes e oradores cometem

GettyImages/NickyLloyd
Técnicas simples podem evitar que seu público se canse rapidamente do assunto e te acompanhe mais ativamente

Resumo:

  • O maior desafio de palestrantes é impressionar a plateia nos primeiros sete segundos do discurso;
  • Segundo o especialista em comunicação Neil Gordon começar a fala com frases educadas prejudica a captação de atenção;
  • Ele lista cinco erros comumente cometidos por quem fala em público.

Você costuma usar bons modos quando começa um discurso? É hora de parar com isso.

Você compartilha os objetivos de aprendizado? Pare agora mesmo.

Está interessado em dividir sua história pessoal? Por favor, não faça isso.

LEIA MAIS: 3 lições de um discurso memorável sobre basquete

Pedi ao especialista em comunicação Neil Gordon que compartilhasse os cinco maiores erros que ele vê a maioria dos oradores cometendo.

Gordon afirma que o desafio é impressionar a audiência nos primeiros sete segundos, algo bastante difícil de fazer. Ele auxilia autores e oradores no desenvolvimento e melhora das habilidades de comunicação. Trabalha com executivos, influenciadores e líderes de ideologias e ajuda essas pessoas a vender centenas de milhares de livros, serem vistas em shows de TV e duplicar suas comissões de discurso.

Antes de se tornar um técnico de comunicações, Gordon trabalhou na equipe editorial da “Penguin Random House”, onde teve contato com autores de bestsellers do “New York Times”. Ele trabalhou como ghostwriter e colaborou em livros publicados por Penguin Random House, HarperCollins e Hay House.
Estes são, na opinião dele, os cinco maiores erros cometidos em discursos públicos:

  • Dar todo o conteúdo dos slides de uma vez

    “Marcadores em slides costumam ser muito distrativos. Mas um orador atento pode animar um componente da apresentação por vez para manter a audiência sempre atenta.”
    Eu e Gordon discordamos no assunto de Power Point. Eu odeio oradores que usam PowerPoint com marcadores. Quando insistem que eu use slides, coloco apenas fotos neles, sem nenhuma palavra.

  • Oferecer explicações detalhadas

    “Muitos oradores fazem de suas palestras uma explicação de todo o sistema, normalmente transmitidas por meio de um acrônimo esperto. Mas 46 dos 50 TED talks mais populares oferecem apenas uma ideia central que pode ser integrada em diversos momentos e lugares. A audiência pode continuar explorando o assunto depois.”

  • Contar a história de vida

    “Muitos falam sobre como as histórias são poderosas. Mas a diferença entre compartilhar sua história e compartilhar uma passagem dela pode decidir o sucesso de sua apresentação. Em vez de apenas compartilhar de maneira genérica suas memórias, busque apenas os momentos inesperados que levem a uma mensagem que você está tentando compartilhar com outros.”

  • Iniciar pelos objetivos de aprendizado

    “Oradores acreditam que mostrar todo o conteúdo da discussão logo nos primeiros momentos pode ajudar a audiência a absorver melhor o material, mas isso é um engano. Teria o mesmo efeito, por exemplo, que os criadores de ‘Vingadores: Guerra Infinita’ contarem o que acontece em ‘Ultimato’ antes do filme ser lançado. Em vez disso, use o mistério a seu favor para resolvê-lo apenas ao final da interação.”

  • Começar com expressões muito educadas

    “Sua audiência vai criar uma impressão de você nos primeiros 15 segundos de apresentação. Dizer coisas como ‘obrigado por me receberam aqui hoje’ acaba com essa impressão inicial. Para explorar a tensão de começo de discurso, entre no palco e, depois de uma breve pausa, comece a falar das primeiras ideias centrais do discurso.”

Dar todo o conteúdo dos slides de uma vez

“Marcadores em slides costumam ser muito distrativos. Mas um orador atento pode animar um componente da apresentação por vez para manter a audiência sempre atenta.”
Eu e Gordon discordamos no assunto de Power Point. Eu odeio oradores que usam PowerPoint com marcadores. Quando insistem que eu use slides, coloco apenas fotos neles, sem nenhuma palavra.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).