Aprenda a eliminar a procrastinação com método simples de gestão de tempo

Getty Images /Michael Blann
Segundo estimativas, 20% da população adulta pode ser classificada como “procrastinadores crônicos”

Resumo:

 

  • Ao estabelecer grandes objetivos, corre-se o risco da procrastinação, uma vez que metas significativas podem parecer dificílimas de serem alcançadas;
  • A técnica do “corte pela metade” consiste na suposição mais precisa possível do prazo no qual a meta será concluída e sua redução em períodos com a metade do tempo a fim de criar etapas claramente identificáveis;
  • Esta estratégia monitora e o mantém no caminho certo para atingir seu grande objetivo, mostra exatamente onde e como começar a persegui-lo, e evidencia que todos os dias precisam conter alguma atividade desta busca.

Parabéns por estabelecer uma grande meta para 2020, pois a maioria das pessoas traça objetivos que são fáceis demais. Um dos meus estudos, chamado “Are SMART Goals Dumb?” (Metas inteligentes são burras?, em tradução livre), revelou que apenas 15% dos funcionários acreditam que seus propósitos os ajudarão a alcançar grandes feitos e apenas 13% acreditam que eles os ajudarão a maximizar todo o seu potencial.

Mas, com grandes objetivos, corre-se o risco da procrastinação: a maioria de nós já proferiu uma versão de “vou começar amanhã” ou “esse tipo de objetivo levará alguns dias ou semanas para me preparar”. As metas significativas podem parecer esmagadoras e levar rapidamente ao ato de procrastinar. E, mesmo sem propósitos deste tamanho, algumas estimativas indicam que 20% da população adulta pode ser classificada como “cronicamente procrastinadora”.

VEJA MAIS: 5 dicas para interromper o ciclo da procrastinação

Por outro lado, nossa pesquisa da HARD Goals descobriu que sentir um intenso senso de urgência para concluir sua meta (basicamente o oposto da procrastinação) está fortemente associado ao sucesso do objetivo. Aqueles que têm esse sentimento apresentam 1,3 a 1,4 vezes mais chances de alcançar seus propósitos do que os que não o sentem.

Como evitar a procrastinação e alcançar seu grande objetivo? Com uma estratégia eu chamo de “técnica de corte pela metade”.

O intuito deste exercício é triplo: em primeiro lugar, mostra exatamente onde e como começar a perseguir seu grande propósito. Embora estabelecer metas grandes, difíceis e audaciosas seja ótimo, às vezes elas podem parecer um pouco esmagadoras; e quando um objetivo tem essa aparência, geralmente é difícil saber por onde começar. Todavia, quando você o divide em pedaços, que podem ser iniciados imediatamente, a jornada se torna mais fácil.

Em segundo lugar, ele monitora e o mantém no caminho certo para atingir seu objetivo (e intensifica seus esforços quando necessário). Se você tem uma grande meta para o ano inteiro, pode ser difícil saber se está no caminho certo ou se perdendo (é possível levar meses para perceber que está atrasado). Contudo, dividir sua meta em pedaços mostra, a qualquer momento, se está para trás ou adiantado.

E em terceiro lugar, este exercício mostra que todos os dias precisam conter alguma atividade na busca de seus objetivos. Não importa o tamanho da sua meta, se você realmente está disposto a atingi-la, existem atividades que deve ser iniciadas hoje.

Esse processo não é uma substituição para o seu grande propósito. De fato, a única maneira de realizar as tarefas de hoje, do próximo mês, e de todo o resto, é ser motivado mentalmente por um objetivo poderoso. Este processo está aqui apenas para ajudá-lo a priorizar seus primeiros passos. As grandes metas podem parecer esmagadoras e, portanto, levar à procrastinação, mas a “técnica do corte pela metade” divide-as, não em etapas fáceis, mas claramente identificáveis.

Veja na galeria abaixo como seguir as etapas do método:

  • Etapa 1: a primeira etapa é ter uma visão longa e objetiva da sua grande meta e aproximar a data de término. Alguns objetivos têm uma relação com o tempo mais natural do que outras, entretanto, com a maior precisão possível, estime o prazo no qual você terá cumprido sua meta. A fim de simplificar as coisas neste exemplo, vou fingir que seu propósito levará um ano para ser concluído (mas o “corte pela metade” funciona com metas de qualquer duração).

  • Etapa 2: reduza esse período pela metade (6 meses neste exemplo) e responda a esta pergunta: o que devo ter feito quando este prazo terminar para saber que estou no caminho certo a fim de realizar completamente o objetivo?

    Vamos imaginar que a meta é correr uma maratona de 42 km, em 1 ano. O que é preciso ter concluído aos 6 meses para estar no caminho da prova completa em 1 ano? Digamos que seja necessário ter atingido uma corrida longa de 21 quilômetros, traçando quatro corridas por semana e aprendido a “abastecer” durante um longo percurso.

  • Etapa 3: em seguida, corte pela metade o prazo de seis meses (ou seja, três meses) e responda a esta pergunta: o que devo ter feito na marca de três meses para saber que estou no caminho certo a fim de alcançar todas as minhas metas do semestre?

    Talvez você precise fazer longas corridas de 8 km, saber como usar um monitor de batimentos cardíacos, vestir shorts de tamanho médio ou ser capaz de correr enquanto seus filhos andam de bicicleta ao seu lado por 6 km na trilha local.

  • Etapa 4: claro, você sabe o que está por vir. Corte pela metade o prazo de três meses e responda: o que devo fazer na marca de seis semanas para saber que estou no caminho certo a fim de alcançar todas as minhas metas do trimestre? (você também pode usar um período de 1 mês em vez de seis semanas).

  • Etapa 5: faça o mesmo processo novamente: o que devo ter feito na marca de três semanas para saber que estou no caminho certo a fim de alcançar todas as minhas metas de seis semanas?

  • Etapa 6: agora, depois de chegar a um prazo inferior a um mês, faça este exercício mais duas vezes. Pergunte a si mesmo: o que devo realizar nesta próxima semana para saber que estou no caminho certo a fim de alcançar todas as metas de três semanas? E então,se questione: o que devo ter feito hoje para saber que estou a caminho de alcançar todos os meus objetivos de uma semana?

Etapa 1: a primeira etapa é ter uma visão longa e objetiva da sua grande meta e aproximar a data de término. Alguns objetivos têm uma relação com o tempo mais natural do que outras, entretanto, com a maior precisão possível, estime o prazo no qual você terá cumprido sua meta. A fim de simplificar as coisas neste exemplo, vou fingir que seu propósito levará um ano para ser concluído (mas o “corte pela metade” funciona com metas de qualquer duração).

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).