Ingresso para Mayweather vs. McGregor chega a US$ 24 mil

Combate promete ser mais lucrativo do que a batalha de 2015 contra Pacquiao .

Kurt Badenhausen
Compartilhe esta publicação:
Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

Mayweather e McGregor (Reprodução/Forbes)

Acessibilidade


Falta menos de um mês para o duelo entre as duas grandes estrelas do boxe e do UFC. Os ingressos para a luta de Floyd Mayweather versus Conor McGregor, que será realizada no dia 26 de agosto, têm preços que chegam a US$ 10.000 com taxas adicionais calculadas no final da compra. Também há opções de US$ 500, US$ 1.500, US$ 2.500, US$ 3.500, US$ 5.000 e US$ 7.500. A compra ainda é limitada: são apenas dois dois ingressos por residência.

LEIA TAMBÉM: 25 atletas mais bem pagos de 2017

A arena T-Mobile, que sediará o evento, foi inaugurada no ano passado e acomoda 20.000 pessoas. O preço da entrada é mais baixo do que o que foi cobrado para a luta entre o norte-americano e o filipino Manny Pacquiao em 2015, quando o ingresso mais barato custou US$ 1.500 na MGM Grand Garden Arena, que tem capacidade para 16.800 lugares.

Apenas 500 ingressos foram oferecidos ao público nesta luta – o restante foi doado para os organizadores e outras pessoas envolvidas no combate. As entradas foram disponibilizadas, primeiramente, apenas para pessoas que receberam um código do programa Ticketmaster’s Fan Verified. O objetivo da iniciativa era impedir que agentes de bilheterias comprassem rapidamente todos os ingressos antes mesmo do que o público. Só depois é que as vendas foram abertas.

VEJA MAIS: Campeã do UFC, Ronda Rousey estrela nova versão de “Matador de Aluguel”

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Também foi possível comprar mais de 400 ingressos no mercado paralelo. Por meio do revendedor TicketIQ, os valores começavam em US$ 3.000 e atingiam uma média de US$ 24.000 para os lugares ao lado do ringue.

A luta entre Mayweather e McGregor promete ser um dos maiores sucessos financeiros da história do esporte, ao lado do Super Bowl e de outro combate – entre o próprio Mayweather e Pacquiao, que gerou US$ 600 milhões em receita. O público do pay-per-view é que, no fim das contas, decidirá o quão lucrativa será a noite. O valor para a assinatura do evento é de US$ 100 para o feed de alta definição do PPV (US$ 90 em definição padrão) e Las Vegas está estimando que o número de assinantes chegue a 4,99 milhões. A luta entre Mayweather e Pacquiao registrou 4,6 milhões de compradores.

E MAIS: Os 25 Melhores CEOs do Brasil

Ambos os lutadores prometem um massacre durante a disputa. McGregor receberá, pelo menos, US$ 75 milhões – cinco vezes mais do que ele já recebeu no UFC. Mayweather fez uma carreira de grandes salários. Ele ganhou cerca de US$ 250 milhões por sua vitória sobre Pacquiao. Outro rendimento neste nível empurraria seus ganhos totais para US$ 1 bilhão. Se isso acontecer, o norte-americano se tornaria o terceiro atleta a ganhar US$ 1 bilhão – depois de Michael Jordan e Tiger Woods.

Mayweather foi o atleta mais bem pago três vezes em um intervalo de quatro anos antes de sua aposentadoria, em 2015. A luta com McGregor, com certeza, o colocará no topo novamente.

Compartilhe esta publicação: