7 escritórios corporativos perfeitos para o Instagram

Divulgação
A evolução do design do espaço foi influenciada pelas redes sociais

Os escritórios têm se tornado muito menos corporativos nos últimos anos. Não há mais as paredes brancas e sem graça, móveis comprados na mesma loja que vende canetas e aquele horrível piso de linóleo. Os novos ambientes corporativos são cuidadosamente projetados para contribuírem com a colaboração e fazer com que os funcionários gostem de frequentá-los todos os dias.

LEIA MAIS: 5 mesas de escritório para trabalhar de casa

A evolução do design do espaço foi influenciada pelas redes sociais. As empresas querem fornecer espaços para os visitantes fazerem de tudo – de tirar selfies a criar conteúdo.

Veja, na galeria de fotos abaixo, 7 escritórios modernos e fotogênicos e dicas para obter uma aparência semelhante:

  • Eckis Marketing

    Localizado em San Diego, na Califórnia, a Eckis Marketing é uma agência administrada por mulheres com foco na inspiração e no empoderamento feminino em ambientes de trabalho. Como muito do que elas fazem envolve redes sociais, é natural que tenham um escritório perfeito para o Instagram – com direito a um elegante letreiro neon personalizado.

    “Nós queríamos um lugar que fosse agradável para nossa equipe e clientes. Então projetamos cada espaço de acordo com a marca: preto e branco com toques de rosa neon. Também escolhemos móveis brancos com o objetivo de criar conteúdo em nosso escritório”, explica Whitney Eckis.

  • “The Penny Hoarder”

    O conceito extravagante para o design dos escritórios do site de finanças pessoais “The Penny Hoarder” é altamente intencional. Lisa Gilmore, diretora de criação do projeto, diz que o objetivo é tornar as finanças mais divertidas e menos sufocantes.

    Embora o escritório seja uma extensão da marca da empresa, a abordagem de Lisa foi bem calculada. “Eu não acredito que o logo e as cores da marca funcionem bem em todos os lugares, então os espalhamos por todo o espaço, mas sem deixar dominar. Nenhuma cor está fora dos limites.”

    Para quem quiser criar um visual semelhante, Lisa sugere correr pequenos riscos. “Use cores que talvez se afastem um pouco da sua marca. Não tenha medo de caprichar um pouco no seu espaço – uma arte ousada, uma mistura do moderno com o tradicional e assim por diante.”

  • ToyMakerz

    Especialmente único, o local de 5.575 metros quadrados que a fabricante de veículos customizados ToyMakerz ocupa não é apenas um escritório – é, também, o espaço do programa de televisão do “History Channel”. Então, ele precisa ser funcional de várias maneiras. De acordo com o CEO da ToyMakerz, David Ankin, “o espaço está sempre evoluindo”.

    “Toda semana o ambiente muda dependendo de nossos prédios e projetos. É, de fato, um processo contínuo que se baseia naquilo que estamos filmando”, explica. “Precisamos de um espaço grande o suficiente, já que fazemos de seis a oito construções por vez. É importante se adaptar e inspirar a criatividade da equipe.”

    Trabalhar em um local que precisa ser um escritório e, como Ankin chama, “um museu vivo”, pode ser desafiador, especialmente quando se trata de segurança. Ankin e o presidente da ToyMakerz, David Young, no entanto, fazem isso funcionar. “Por ter o espaço de trabalho no primeiro andar e os escritórios no segundo, mas aberto, é possível fazer tudo de uma vez. Eu posso sentar na minha mesa, no andar de cima, e ver tudo.”

  • Medterra CBD

    Às vezes, um home office é ainda melhor do que um corporativo, especialmente para Jay Hartenbach, CEO e co-fundador da Medterra CBD, especializada em produtos à base de canabidiol. Localizado em Laguna Beach, na Califórnia, o escritório conta com vistas incríveis do Oceano Pacífico.

    Mas não se trata apenas de ter uma propriedade privilegiada, diz Hartenbach, o impacto do oceano é mais profundo. A água (e talvez algumas gotas de óleo de canabidiol) o ajuda a fazer algo que muitos empreendedores não podem – relaxar. “Ter uma visão do oceano realmente quebra a rotina de estar no escritório, ajuda a colocar em perspectiva o quão pequeno você é no grande esquema das coisas e perceber que, mesmo em dias difíceis, o mundo continuará girando.”

    A abundância de janelas também preenche o escritório de luz natural, o que cria um ambiente cheio de energia. Hartenbach também mantém um “pelotão” no escritório. O exercício permite que ele mantenha o foco, ao pedalar de três a cinco dias por semana. “É uma ótima maneira de começar o meu dia e chegar ao escritório cheio de energia com um exercício físico já realizado”, diz ele.

  • Boies Schiller Flexner

    O design de escritórios de advocacia é geralmente pouco criativo – mas não nos novos espaços da Boies Schiller Flexner. Projetado pela Schiller Projects, o espaço de 9.290 metros quadrados, que abrange quatro andares, tem muito pouco em comum com a maioria dos escritórios do setor encontrados em Nova York.

    Localizado na 55 Hudson Yards, o recinto parece ser o coworking mais sofisticado já construído – bem o oposto de um escritório de advocacia de alto nível. Os espaços de canto fechados foram substituídos por quartos semi-abertos com vistas panorâmicas do rio Hudson.

    O espaço tem 22 salas para que os advogados trabalhem de maneira colaborativa, o que é uma parte importante da cultura corporativa da empresa. No entanto, chamadas de telefone podem ser feitas em uma das 24 salas para ligações privadas.

    Para manter a produtividade no máximo, nenhum detalhe foi esquecido. O 19º andar tem até um café privativo de 370 metros quadrados e um café com serviço completo, o que dá aos funcionários menos um motivo para sair do prédio.

    Carpetes e paredes brancas, que são típicos da maioria dos escritórios de advocacia, também não são encontrados por lá. Em vez disso, há piso de marmorite preto, assim como paredes de concreto curvo por toda parte.

    A característica mais notável é “The Ribbons”, uma instalação de arte feita de contas metálicas que conecta as áreas comuns ao longo dos três andares. É adjacente a uma escadaria curva que não passa despercebida.

  • HL Group

    Enquanto o espaço de escritório aberto é uma tendência relativamente recente, o HL Group, especializado em comunicação e marketing, tem áreas assim há quase 20 anos. A co-fundadora e CEO Lynn Tesoro acredita que esta é a configuração ideal para colaboração. “Este espaço atual foi projetado para estimular a camaradagem por meio do compartilhamento de informações e conhecimentos entre nossos funcionários. Ou seja: sem paredes ou barreiras. Nossas equipes se apoiam mutuamente de forma a criar um ambiente dinâmico e produtivo.”

    Há também um terraço ao ar livre, o que é uma raridade em Nova York. “Durante os meses mais quentes, é comum ver nossas equipes tendo reuniões de brainstorming no terraço – nada como o sol e o ar fresco para estimular a mente”, explica ela.

  • lilah b.

    A fundadora e CEO da lilah b. cosmetics, Cheryl Yannotti Foland, queria que a estética do escritório da empresa refletisse sua marca. Localizado em Sausalito, ela diz que o visual é “funcional e minimalista de acordo com o ethos da marca de que ‘menos é mais” .

    O escritório moderno e limpo pode estar em alta no que diz respeito a estilo, mas é surpreendente baixo em orçamento. Os móveis foram encontrados em uma variedade de lojas, incluindo Room & Board e Amazon. “Como tínhamos uma quantia apertada, encontrei muitas peças de ‘imitadores’ para alcançar a aparência que eu queria para a minha equipe”, revela Cheryl.

    Ela também disse que é possível decorar enquanto economiza, contanto que você tenha tempo e evite a pressa ou as compras por impulso. “Comece suavemente. Você sempre pode adicionar outras peças.”

Eckis Marketing

Localizado em San Diego, na Califórnia, a Eckis Marketing é uma agência administrada por mulheres com foco na inspiração e no empoderamento feminino em ambientes de trabalho. Como muito do que elas fazem envolve redes sociais, é natural que tenham um escritório perfeito para o Instagram – com direito a um elegante letreiro neon personalizado.

“Nós queríamos um lugar que fosse agradável para nossa equipe e clientes. Então projetamos cada espaço de acordo com a marca: preto e branco com toques de rosa neon. Também escolhemos móveis brancos com o objetivo de criar conteúdo em nosso escritório”, explica Whitney Eckis.

 


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Forbes no Facebook: http://fb.com/forbesbrasil
Forbes no Twitter: http://twitter.com/forbesbr
Forbes no Instagram: http://instagram.com/forbesbr

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).