Empresas de tecnologia se destacam em ranking de qualidade de vida

Divulgação
Funcionários de empresas do setor de tecnologia são mais felizes

O site de recrutamento e carreira Glassdoor fez um levantamento para descobrir as empresas que mais bem classificadas no quesito qualidade de vida, com base em avaliações postadas pelos usuários da plataforma no Brasil entre 1º de outubro de 2018 e 30 de setembro de 2019. A Soften Sistema e a SAP lideram a lista, com 4,6 de uma nota máxima de 5, seguidas pela Creditas, com 4,4. A média das empresas brasileiras na plataforma foi de 3,4.

“Sabemos que ter um trabalho que ofereça qualidade de vida tem se tornado cada vez mais importante para os brasileiros. Portanto, promover essa cultura de equilíbrio entre vida pessoal e profissional pode ser uma enorme vantagem competitiva para as empresas na hora de atrair e reter talentos”, diz Luciana Caletti, vice-presidente do Glassdoor na América Latina. Veja, a seguir, as 10 empresas que tiveram a melhor nota:

1) Soften Sistemas – 4,6
1) SAP – 4,6
3) Creditas – 4,4
4) CI&T – 4,3
4) Nubank – 4,3
6) Bayer – 4,2
6) DocPlanner – 4,2
6) ThoughtWorks – 4,2
9) Aurora – 4,1
9) Takeda Pharmaceuticals – 4,1

****

Salários mais polpudos para CEOs e presidentes

Uma pesquisa realizada pela Korn Ferry com 422 empresas dos mais diversos setores instaladas em território brasileiro – metade delas com faturamento superior a R$ 2 bilhões por ano -, concluiu que os salários dos CEOs e presidentes aumentou 4,2% em 2019, enquanto os demais executivos experimentaram um incremento de 3,3%. O levantamento revelou, ainda, que os profissionais C-level de recursos humanos tiveram um crescimento do salário-base de 17% e são, atualmente, considerados cada vez mais essenciais na execução da estratégia das empresas. Sobre as projeções para 2020, o estudo da consultoria mostrou que 88% das companhias planejam reajustar os salários dos executivos.

****

Cotação da bolsa
Plataforma de compra e venda de bolsas de luxo, a Rebag anunciou uma ferramenta que revela o valor de revenda de produtos do segmento. Batizado de Clair by Rebag, o software consumiu cinco anos de desenvolvimento e contempla 10 mil peças de 50 marcas diferentes. “Passamos anos coletando dados e analisando o mercado de bolsas de luxo. A ferramenta possibilita uma maneira transparente para os consumidores comprarem com mais sabedoria”, diz Charles Gorra, fundador e CEO da empresa. A novidade pode ser acessada pelo site ou aplicativo da Rebag. É só selecionar a marca, o modelo, o estilo e o tamanho da bolsa e, em seguida, descrever brevemente a cor e a condição da peça. O valor é gerado imediatamente.

****

Sorvete do bem

A Embrapa está desenvolvendo um sorvete dietético à base de leite de cabra com probióticos e prebióticos. A pesquisadora Karina Olbrich conta que os primeiros testes indicaram que o produto ajudou a reduzir a taxa de glicemia em pessoas saudáveis, mas ressalta que ele é indicado também para diabéticos. Isso porque o diabetes tipo 2 vem sendo associado a um desequilíbrio da microbiota intestinal, problema que pode ser solucionado pelos probióticos e prebióticos. A entidade está, agora, em busca de parceiros da iniciativa privada para ampliar a validação dos resultados e produzir o sorvete em escala.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).