Ibovespa segue otimismo do exterior com expectativa pelo acordo EUA-China

Amanda Perobelli/Reuters
Amanda Perobelli/Reuters

Às 10h45, horário de Brasília, o Ibovespa subia 0,70% aos 116.317 pontos

O Índice Bovespa teve abertura positiva hoje (13), seguindo o otimismo das bolsas no exterior com a expectativa de entendimentos entre Estados Unidos e China em relação às tarifas sobre produtos comercializados entre os dois países.

O vice primeiro ministro Liu He desembarca nesta segunda-feira em Washington para a assinatura da Fase 1 do acordo entre os dois países, com cerimônia prevista para esta quarta-feira (15), na Casa Branca. A guerra comercial EUA-China já dura 18 meses, com forte impacto na economia global.

Às 10h45, horário de Brasília, o Ibovespa subia 0,70% aos 116.317 pontos. Destaque de alta para Sabesp (SBSP3) com ganhos de 3,33% a R$ 59,32, Braskem (BRKM5) com valorização de 2,61% a R$ 35,35 e Gol (GOLL4) que subia 2,28% a R$ 38,09. Já as maiores baixas estavam com Hering (HGTX3) com queda de 2,40% a R$ 31,31, Sulamérica (SULA11) que perdia 1,10% a R$ 63,61 e CCR (CCRO3) com desvalorização de 0,83% a R$ 18,02.

No mercado de câmbio, o dólar seguia com valorização de 0,39% em relação ao real, a R$ 4,11. Entre as commodities, o petróleo WTI e o Brent também seguiam com altas moderadas, perto da estabilidade.

Mais cedo, a FIPE, Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, divulgou a inflação medida pelo IPC com alta de 0,78% na primeira quadrissemana de janeiro, mostrando desaceleração na comparação com o dado de dezembro, a 0,94%. Às 15h, haverá a divulgação da balança comercial brasileira.

***

Luciene Miranda é jornalista especializada em Economia, Finanças e Negócios com coberturas independentes na B3, NYSE, Nasdaq e CBOT.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).