Look do dia: como vestir seu eu futuro?

Getty Images
Getty Images

Gaste mais tempo hoje pensando em como você estará amanhã

É comum gastarmos alguns preciosos minutos pensando na roupa que vamos usar no dia. Estar bem apresentada é importante, assim como pensar em como viveremos no futuro.

Ninguém quer ser um peso na vida dos filhos, depender da caridade alheia ou dos parcos recursos da Previdência pública, não é mesmo? Que tal, então, gastar mais tempo hoje pensando no “look” do seu futuro?

Contaram para nós, mulheres, que dinheiro é assunto de homens, mas fomos para o mercado de trabalho e hoje estamos ganhando nosso sustento. Muitas de nós até mais que os companheiros.

O problema é que, quando é hora de investir, muitas ainda pensam que ali não é nosso lugar. E o resultado é este: pouco mais de 20% das mulheres investe de verdade.

A maioria das mulheres tem medo de investimentos arriscados, muito mais por temor de ser culpada por uma eventual decisão errada do que pelo medo de perder dinheiro. Ainda preferimos seguir o conselho do gerente do banco, mesmo quando sabemos que ele não está preocupado com nosso futuro, mas sim com atender as metas de venda que o banco lhe impõem.

Temos medo de investir porque colocaram na nossa cabeça que isto era para homens. Aprendemos a dirigir, mas demoramos para ter coragem de ir para a oficina levar o carro para o conserto. Aprendemos a trabalhar para ganhar dinheiro, e agora é a hora de dar o próximo passo e aprender a fazer o dinheiro trabalhar por nós.

E quer melhor forma de ganhar dinheiro sem trabalhar do que se tornar sócia das maiores empresas do mundo?

Mas como fazer isso? É muito simples: basta comprar ações. Pensar no mercado de ações ainda é desesperador para muitas de nós, pois a mentalidade equivocada de perda assume o protagonismo: imaginar seu dinheiro em um ambiente de cassino, no qual a sorte é responsável pelo seu futuro, assusta.

Porém, investir em ações está longe de fazer parte de jogos de azar. Trata-se de colocar suas apostas na economia real. Ao comprar grandes empresas, você coloca seu dinheiro para trabalhar enquanto você decide o look do dia. É hora de dar o próximo passo rumo à liberdade!

E se eu perder o dinheiro? Somos mais conservadoras e menos suscetíveis ao risco. Então, será que é possível entrar no mercado de ações sem se submeter a perdas?

Sim!

O método NPD (nunca perder dinheiro) faz você, no longo prazo, com disciplina e constância sempre ganhar. É simples, existe uma categoria de produtos no mundo das finanças chamada ETF (exchange-traded fund), fundos de índices que acompanham uma categoria de ativos. São como caixinhas onde estão presentes todas as ações que compõem um índice.

Complicou?

Imagine que você tenha R$ 10 para comprar chocolates que nunca viu antes. Há no supermercado duas opções: uma caixa de bombons de um único sabor ou e uma caixa com bombons sortidos.

Qual a chance de você encontrar o chocolate que mais atenda seu paladar? Mais variedades pelo mesmo preço significa menos risco. A caixa de bombons diversificados é a ETF do mercado financeiro.

A caixa de bombons que eu recomendo para cuidar do seu futuro se chama PIBB11. Nesse fundo, você investe nas 50 empresas mais
negociadas da Bovespa, ponderadas pelo seu valor de mercado.

Algumas dessas empresas podem não ser o melhor bombom, mas algumas serão maravilhosas. Pronto, o risco de errar na escolha da ação diminuiu muito.

Agora falta saber como não errar no momento de entrar? Será que é hora de comprar? As ações estão baratas ou caras?

É aí que entra a ideia de comprar lentamente. Quanto mais tempo você comprar, melhor. Estabeleça a meta de comprar alguns PIBB11 (que nesta semana custa pouco menos de R$ 200) todos os meses até o dia da sua aposentadoria. Quando ela chegar, você vai também venderá aos poucos. Então, você esquece as flutuações do curto prazo e se concentra no futuro.

Tem uma nova epidemia? Ela vai passar. Se os preços caírem muito, tudo bem, você compra mais barato. A Bolsa é volátil, é cheia de altos e baixos, e nenhum especialista consegue saber o futuro. Pensar em uma Bolsa sem volatilidade é como pensar em uma maré que não muda, isso não existe.

Para utilizar a estratégia de diversificação de forma simples e começar a comprar ETFs, você precisa abrir uma conta numa corretora, entrar no homebroker e colocar o código do papel (PIBB11). Depois, é só repetir todos os meses esse processo de compra.

Pense no seu eu futuro como você pensa no seu look do dia e se pague antes de tudo, afinal, o preço é alto pelo tempo perdido. E lembre-se: diversificação é o único almoço grátis do mercado financeiro.

 

Francine Mendes é educadora financeira para mulheres, economista pela Universidade Federal de Santa Catarina, com mestrado em psicanálise do consumo pela Universidade Kennedy. Apresentadora do canal Mary Poupe, no YouTube, e comunicadora na RiCTV Record.

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Os artigos assinados são de responsabilidade exclusiva dos autores e não refletem, necessariamente, a opinião de Forbes Brasil e de seus editores.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).