Príncipe Harry e Meghan renunciam de funções como membros da família real

Casal pretende trabalhar para se tornar financeiramente independente.

Redação, com Reuters
Compartilhe esta publicação:
Daniel Leal-Olivas/ Pool via REUTERS
Daniel Leal-Olivas/ Pool via REUTERS

Príncipe Harry e Meghan Markle planejam abrir mão de suas funções como membros da família real britânica

Acessibilidade


O príncipe britânico Harry, neto da rainha Elizabeth, disse ontem (8) que ele e sua esposa norte-americana, Meghan Markle, planejam abrir mão de suas funções como membros da família real britânica e trabalhar para se tornarem financeiramente independentes.

“Planejamos dividir nosso tempo entre o Reino Unido e a América do Norte, continuando a honrar nosso dever com a rainha, a Commonwealth e nossos patronatos”, disseram Harry e Meghan em comunicado divulgado no Instagram nesta quarta-feira.

LEIA MAIS: Conheça a vida de luxo da Rainha Elizabeth II

Harry e Meghan se casaram em maio de 2018 em uma cerimônia no Castelo de Windsor, a oeste de Londres, e em maio de 2019 o casal, conhecido formalmente como o duque e a duquesa de Sussex, tiveram seu primeiro filho, um menino chamado Archie Harrison Mountbatten-Windsor.

Harry, de 35 anos, é atualmente o sexto na linha de sucessão ao trono britânico, e tem havido grande especulação de que ele e Meghan, de 38 anos, pretendem se aposentar da vida pública desde que voltaram neste mês de uma temporada de seis semanas durante as festas de fim de ano no Canadá.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

No ano passado, Harry disse ter tido divergências com seu irmão mais velho, o príncipe William, que é segundo na linha de sucessão, e tanto Harry quanto Meghan têm tido uma relação tensa com alguns jornais britânicos.

O casal disse que dividir o tempo entre o Reino Unido e a América do Norte “nos permitirá criar nosso filho com uma apreciação à tradição real na qual ele nasceu, ao mesmo tempo que também dá à nossa família espaço para se concentrar no próximo capítulo”.

Isso incluiria o lançamento de uma nova entidade de caridade, disseram Harry e Meghan, acrescentando que planejam trabalhar para se tornarem financeiramente independentes.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: