Ibovespa recua com bolsas internacionais

Investidores seguem temerosos sobre consequências econômicas com a disseminação do coronavírus.

Forbes Daily, por Luciene Miranda
Compartilhe esta publicação:
Paulo Whitaker - REUTERS
Paulo Whitaker - REUTERS

Ibovespa tem dia de perdas com bolsas estrangeiras

Acessibilidade


O Ibovespa segue com perdas, acompanhando as quedas no exterior dos índices de ações norte-americanos. Mais cedo, bolsas europeias encerraram com baixas.

Às 15h35, horário de Brasília, o Ibovespa tinha queda de 0,80% aos 114.273 pontos.

LEIA TAMBÉM: Bolsa brasileira tem baixa com exterior

O mau humor do dia é consequência de investidores preocupados com o impacto econômico pela propagação do coronavírus na China e no mundo.

A tensão aumenta à medida em que o mercado desconfia da atualização dos dados oficiais sobre a disseminação da doença. Segundo as últimas informações, o coronavírus já havia matado mais de 600 pessoas e contagiado mais de 30 mil na China.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

As maiores baixas do Ibovespa eram da IRB (IRBR3) com desvalorização de 4,24% a R$ 40,84, Qualicorp (QUAL3) com baixa de 4,01% a R$ 41,90, MRV (MRVE3) com recuo de 3,84% a R$ 20,29, Ecorodovias (ECOR3) que perdia 3,10% a R$ 16,89 e Gerdau (GGBR4) com menos 3,06% a R$ 20,59.

O destaque de alta do dia é das ações das Lojas Renner com investidores animados após a divulgação do balanço da companhia. Em 2019, a rede registrou um lucro líquido de R$ 1,09 bilhão, o que representa uma alta de 7,7% na comparação com o ano anterior. O EBITDA (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) subiu 15,7% para R$ 859,6 milhões no período.

As ações LREN3 avançavam 2,19% a R$ 56,43.

Ainda na lista das maiores altas do Ibovespa, BB Seguridade (BBSE3) com valorização de 2,59% a R$ 35,70, Itaú Unibanco (ITUB4) com avanço de 1,71% a R$ 33,85, Braskem (BRKM5) que subia 1,70% a R$ 32,29 e Carrefour (CRFB3) com valorização de 1,41% a R$ 22,94.

No mercado de câmbio, o dólar tem alta em relação ao real e subia 0,75% a R$ 4,31. O euro avançava 0,33% a R$ 4,71.

****

Luciene Miranda é jornalista especializada em Economia, Finanças e Negócios com coberturas independentes na B3, NYSE, Nasdaq e CBOT

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: