Rappi testa robôs para entrega de comida em domicílio

ReutersDavid-Estrada
ReutersDavid-Estrada

A Rappi tem feito aproximadamente 120 entregas por dia com 15 robôs na área de pilotagem

A startup colombiana Rappi está conduzindo entregas por meio de robôs como uma maneira segura de levar comida para pessoas forçadas a ficarem em casa em razão da pandemia do coronavírus.

A iniciativa começou nesta semana em Medelim, segunda maior cidade da Colômbia. Os robôs, que viajam sobre quatro rodas e são decorados com bandeiras laranja em suas antenas, transportam entregas de até 35 centímetros quadrados e são usados ​​para transportar pedidos de restaurantes pagos digitalmente.

LEIA MAIS: Tomás Martins, da Tembici, fala sobre mobilidade na quarentena: “Tivemos que buscar soluções que antes eram impensáveis”

Os robôs completam a última milha das entregas e são desinfetados antes e depois de cada uso, disse a Rappi. Eles são operados conjuntamente pela Rappi e pela KiwiBot, dos Estados Unidos.

“Acreditamos que, ao fazer parceria com a tecnologia, poderemos continuar cumprindo nosso objetivo de facilitar a vida das pessoas com segurança, especialmente em situações como as quais nos encontramos”, disse o gerente da Rappi na Colômbia, Matias Laks, em comunicado.

A Rappi tem feito aproximadamente 120 entregas por dia com 15 robôs na área de pilotagem, afirmou.

A empresa disse que pretende conduzir a projeto até julho, e, caso seja bem-sucedido, expandirá para outros cidades. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).