Primeiro tênis Air Jordan de Michael Jordan será leiloado na Sotheby's

Calçado deve arrecadar entre US$ 100 e US$ 150 mil no leilão online que termina em 17 de maio.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

O tênis é autografado por Jordan e mostra desgaste de uso pelo ex-jogador do Chicago Bulls

Acessibilidade


Um par de tênis autografado e usado pela lenda do basquete Michael Jordan entrou em leilão na Sotheby’s hoje (8), em um teste para o mercado de tênis como item de coleção altamente valorizado.

O Air Jordan 1s, projetado para Jordan em 1985 e o primeiro tênis com assinatura, deve arrecadar entre US$ 100 e US$ 150 mil no leilão online que termina em 17 de maio, informou a Sotheby’s em Nova York.

LEIA MAIS: Como Michael Jordan se tornou o atleta mais rico do mundo

A Sotheby’s, mais conhecida por vender arte multimilionária, realizou no ano passado seu primeiro leilão inteiramente dedicado a tênis. O evento estabeleceu um novo recorde mundial de US$ 437.500 para um par de tênis de corrida Nike 1972, conhecido como “Moon Shoe”.

O tênis branco, preto e vermelho Air Jordan 1 tem cadarços vermelhos, é autografado por Jordan e mostra desgaste de uso pelo ex-jogador do Chicago Bulls. Como a maioria dos tênis de basquete de Jordan, ele tem tamanhos diferentes – 13 (45 no Brasil) no esquerdo e 13,5 no direito, disse a Sotheby’s.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O calçado está sendo vendido pelo colecionador Jordan Geller, fundador do museu de tênis Shoezeum, onde estava exposto anteriormente em Las Vegas. Era a “joia da coroa” do museu, atraindo fãs e colecionadores de todo o mundo, segundo Geller.

O leilão coincide com o 35º aniversário da marca Air Jordan e com a exibição do último episódio do documentário da ESPN “The Last Dance” sobre o Chicago Bulls e Jordan.

“Com toda a empolgação em torno de Michael Jordan e ‘The Last Dance’, minha esposa e eu decidimos que é hora de deixar o tênis encontrar um novo lar”, disse Geller em comunicado. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: