Teste de Covid-19 apoiado por Gates aguarda aval da FDA

REUTERS_Ueslei-Marcelino
Na quinta-feira (14), a Scan disse que discute com a FDA desde 1º de março

Um projeto de testes caseiros de coronavírus de Seattle, parcialmente apoiado pela fundação de Bill e Melinda Gates, segue no limbo, com reguladores dos EUA anunciando hoje (16) que aprovaram outro kit caseiro de coleta de amostras.

A Rede de Avaliação do Coronavírus de Seattle (Scan, na sigla em inglês), que busca monitorar a disseminação do coronavírus na região, disse esta semana que está suspendendo seus testes em coleta de amostras de pacientes em casa, após a Administração de Alimentos e Drogas (FDA) apertar as orientações exigidas para a aprovação emergencial.

LEIA MAIS: Vacina para coronavírus de Oxford mostra eficácia em estudo com macacos

A Fundação Gates disse, em março, que estava fornecendo assistência técnica à Scan, que havia sido aprovada por reguladores do estado de Washington, um dos primeiros Estados dos EUA a ser atingido pela pandemia.

Na quinta-feira (14), a Scan disse que discute com a FDA desde 1º de março e iniciou seu pedido por autorização emergencial de uso em 23 de março, enviando dados em 13 de abril.

Por outro lado, a FDA aprovou neste sábado um kit de coleta caseiro da Everlywell, empresa de saúde e bem-estar, que foi lançado em março. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).