Estado do Rio de Janeiro terá reabertura gradual a partir de sábado

Medida depende da abertura dos hospitais de campanha na região.

Blog da Redação
Compartilhe esta publicação:
Ricardo Moraes/Reuters
Ricardo Moraes/Reuters

O Estado do Rio de Janeiro contabiliza 5.686 mortes por Covid-19 e 56.732 casos

Acessibilidade


As atividades produtivas do Estado do Rio de Janeiro podem ser reabertas gradualmente no próximo sábado (6), disse o governador Wilson Witzel (PSC) ontem (2), mesmo dia que começou um relaxamento das medidas de restrição na cidade do Rio.

Mais cedo, o governador anunciou que as medidas de isolamento seriam estendidas até a próxima sexta-feira (5).

VEJA TAMBÉM: Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, e fique por dentro de tudo sobre empreendedorismo

Witzel afirmou que a reabertura no sábado depende da abertura dos hospitais de campanha, que estavam previstos para o fim de abril, mas dos sete programados, apenas um está pronto.

A previsão da OS Iabas, responsável pelas unidades temporárias, é inaugurar nesta semana ao menos dois hospitais de campanha.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Os hospitais de campanha apresentaram muitos problemas e esta semana vamos corrigir em definitivo para permitir com segurança que a partir de sábado a nossa economia comece a voltar, os empregos sejam gerados e assim vencer essa pandemia”, disse Witzel

Ontem, entrou em vigor um decreto municipal que autorizou a abertura gradual de atividades produtivas na cidade do Rio de Janeiro, como concessionárias de automóveis, lojas de móveis e decoração, além de permitir atividades em centros de treinamento esportivo e esportes no mar. Mas, muita gente foi para a praia para aproveitar um dia de sol no mar e na areia, o que ainda não está liberado.

O Estado do Rio de Janeiro contabiliza 5.686 mortes por Covid-19 e 56.732 casos. Segundo a Secretaria de Saúde, 41.838 pessoas pegaram coronavírus e se recuperaram. A cidade registra 31.204 casos e 3.828 mortes. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Inscreva-se no Canal Forbes Pitch, no Telegram, para saber tudo sobre empreendedorismo.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: