Novo recorde: tênis usado por Michael Jordan é leiloado por US$ 615 mil

Aurelien Meunier/Getty Images
Aurelien Meunier/Getty Images

O modelo Air Jordan 1 ficou conhecido pelo episódio em que o astro da NBA quebrou uma tabela ao enterrar a bola

Um par de tênis usado pelo famoso jogador de basquete Michael Jordan (famoso por ter um caco de vidro em um dos lados, de uma tabela que Jordan quebrou durante um jogo) supostamente se tornou o mais caro negociado em um leilão na história nesta semana quando foi vendido por US$ 615 mil.

O Air Jordan 1 vermelho, preto e branco foi usado ​​pelo astro durante um jogo de exibição na Itália em 1985, quando ele quebrou a tabela durante uma enterrada, deixando um pedaço de vidro na sola do sapato esquerdo, de acordo com a casa de leilões Christie’s. O episódio ficou tão marcado que a Nike até criou um esquema de cores para chamada “shattered backboard” (tabela quebrada) para relembrar o feito.

Leia mais: Geração perdida: “Por causa da Covid-19, centenas de milhares de alunos promissores podem nunca começar uma faculdade”, diz Bill Gates

Apesar de bater o recorde anterior de calçado mais caro vendido em leilão (o anterior era outro par de tênis de jogo de Jordan, que foi vendido por US$ 560 mil em maio), os US$ 615 mil ainda estavam abaixo das estimativas de quanto renderiam, com a Christie’s estimando entre US$ 650 mil e US$ 850 mil.

O par de tênis fazia parte de um leilão online especial para itens de Jordan que a Christie’s promoveu em parceria com a Stadium Goods que rendeu US$ 931.875, de acordo com um comunicado da casa de leilões.

Christie's/Reprodução

De acordo com o portal Bleacher Report, o valor dos itens com o nome de Jordan aumentou desde a estreia de “Arremesso Final”, um documentário da ESPN que narra a temporada de 1997 do Chicago Bulls, na qual a franquia foi tricampeã da NBA pela segunda vez.

Este leilão parece indicar que a Christie’s atraiu um fluxo de novos clientes com os produtos de Jordan: a casa de leilões disse que quase três quartos dos participantes registrados nunca haviam negociado com a Christie’s antes.

“Esta venda mais uma vez confirma que os tênis são artefatos culturais e merecem ser listados ao lado de outros itens de luxo no mercado de colecionáveis”, disse o diretor da Stadium Goods, John McPheters, em um comunicado.

Leia também: Consumo de vinho: garrafas mais caras são tendência, diz vice-presidente da World Wine

Michael Jordan, conhecido por muitos fãs como o maior jogador de basquete da história, é seis vezes campeão da NBA e foi eleito o melhor jogador da temporada cinco vezes. Ele ainda detém o título de ter a maior média de pontuação da NBA quase 20 anos após sua aposentadoria, com 30,1 pontos por jogo, de acordo com a liga. A Forbes estima que Jordan vale US$ 1,6 bilhão, em parte graças ao lucrativo negócio com a Nike que ele assinou em 1984, bem como patrocínios com marcas como Gatorade, Hanes e Upper Deck.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).