Morre Larry King, aos 87 anos, de Covid-19

Rodin Eckenroth/Getty Images
Rodin Eckenroth/Getty Images

Larry King: 63 anos de atuação no rádio, na TV e nas mídias digitais

O lendário apresentador de televisão Larry King faleceu hoje (23), aos 87 anos, no Cedars-Sinai Medical Center, em Los Angeles.

A notícia foi divulgada na conta oficial do apresentador no Twitter:

“É com profunda tristeza que a Ora Media comunica a morte de seu cofundador, apresentador e amigo Larry King nesta manhã, aos 87 anos, no Cedars-Sinai Medical Center, em Los Angeles. Por 63 anos atuando em todas as plataformas de rádio, televisão e mídia digital, Larry fez milhares de entrevistas, recebeu prêmios e reconhecimento global que comprovam seu talento único.”

O comunicado continua dizendo que, embora o nome de King fosse parte do título de seus programas, ele sempre viu seus entrevistados como as verdadeiras estrelas e a si mesmo apenas como um canal imparcial entre eles e o público. “Quer estivesse entrevistando um presidente dos EUA, um líder internacional, uma celebridade, um personagem cheio de escândalos ou um homem comum, Larry gostava de fazer perguntas curtas, diretas e simples. Ele acreditava que perguntas concisas geralmente forneciam as melhores respostas, e ele não estava errado.”

Larry King, que atuava na CNN norte-americana há mais de 25 anos, estava internado desde o início do mês por complicações decorrentes da Covid-19. Ele tinha diabetes tipo 2, um dos fatores de risco para a doença.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).