No Ponto: Dia primeiro ou dia um de abril?

Cíntia Chagas responde essa pergunta e explica a origem da data.

Cíntia Chagas
Compartilhe esta publicação:
Westend61/Getty Images
Westend61/Getty Images

Quase todos nós falamos primeiro de abril por se tratar de uma data conhecida, o Dia da Mentira

Acessibilidade


Hoje é primeiro de abril ou hoje é um de abril? Qual a forma correta? Nesse caso, quase todos nós falamos primeiro de abril por se tratar de uma data de nome já consagrado, 1º de abril, Dia da Mentira. Aliás, antes de lhe dar essa resposta, leitor, que tal entendermos de onde teria vindo essa esdrúxula homenagem no nosso calendário?

Dizem que, na França, desde o início do século XVI, as festividades do ano-novo começavam no dia 25 de março, com a chegada da primavera, e findavam no dia primeiro de abril. Entretanto, em 1562, o Papa Gregório instituiu um novo calendário para os cristãos, a partir do qual o ano-novo começaria no dia primeiro de janeiro, não mais no dia primeiro de abril. Desde então, o 1º de abril teria se transformado no Dia da Mentira.

LEIA TAMBÉM: 1º de abril: as maiores mentiras contadas no trabalho

Mas, como se diz em Minas, voltemos à vaca fria. Ainda que alguns gramáticos renomados aceitem “um de abril”, “um de maio” e afins, essa não é a forma considerada correta por todos os especialistas. Portanto, se você não quiser receber olhares tortos, querido leitor, siga o conselho de quem só lhe fala a verdade: use sempre “primeiro” para fazer referência ao primeiro dia do mês. Se lhe disserem o contrário, será pura mentira. 

Até semana que vem.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Cíntia Chagas é uma professora que sempre leva humor e conhecimento ao público. Escritora de dois best-sellers da editora HarperCollins, ela coleciona milhares de alunos nos cursos virtuais que ministra. Palestrante e instagrammer, provou que irreverência, humor e educação podem e devem andar juntos.

Compartilhe esta publicação: