Dólar fecha abaixo de R$ 5,20 com expectativa global por estímulos

Moeda norte-americana cede 5,18%, a caminho da maior queda mensal de 2020.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Bruno Domingos/Reuters
Bruno Domingos/Reuters

Moeda norte-americana começa a última semana do mês com queda ante o real

Acessibilidade


O dólar começou a última semana de julho em queda contra o real, espelhando movimento observado nos mercados globais de câmbio em meio a um dia de apetite por risco por expectativas de mais estímulos à economia mundial.

O dólar à vista caiu 0,94%, a R$ 5,1583 na venda hoje (27). A cotação firmou baixa na parte da tarde, quando marcou mínima de R$ 5,152 (-1,06%). Na máxima, alcançada pela manhã, a divisa foi a R$ 5,225 (+0,35%).

VEJA TAMBÉM: Forbes promove primeiro webinar sobre Saúde Mental nas empresas. Participe

Em julho, o dólar cede 5,18%, a caminho da maior queda mensal de 2020. No ano, porém, sobe 28,54%.

Na B3, o dólar futuro tinha queda de 1,37% às 17h02, para R$ 5,1625. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: