Toyota tem pior lucro trimestral em 9 anos

Reprodução/Forbes
Reprodução/Forbes

O lucro operacional da Toyota despencou 98%, para 13,9 bilhões de ienes (US$ 131,73 milhões) no primeiro trimestre fiscal

A Toyota Motor registrou seu menor lucro trimestral em nove anos, conforme a pandemia de coronavírus reduziu pela metade as vendas de carros e quase anulou seus lucros.

No entanto, as ações da maior montadora do Japão subiram 2,3%, já que os analistas esperavam um prejuízo, enquanto comentários de um porta-voz da empresa sobre uma recuperação das vendas mais rápida que o esperado também apoiaram o movimento.

VEJA MAIS: Forbes promove primeiro webinar sobre Saúde Mental nas empresas. Participe

O lucro operacional da Toyota despencou 98%, para 13,9 bilhões de ienes (US$ 131,73 milhões) no primeiro trimestre fiscal, encerrado em junho, acima da estimativa média de um prejuízo de 179 bilhões de ienes, segundo pesquisa da Refinitiv realizada com sete analistas.

A Toyota reiterou sua previsão de lucro operacional anual de 500 bilhões de ienes, a mais fraca em nove anos, argumentando que o coronavírus ainda poderia prejudicar suas perspectivas de vendas.

“O ritmo da recuperação em várias regiões foi mais rápido do que o previsto inicialmente”, disse um porta-voz da Toyota.

“Mas a situação do vírus continua a colocar muitas incertezas na perspectiva dos negócios … e vemos a possibilidade de que nossa previsão possa mudar.”

A montadora espera vendas globais no varejo de 9,1 milhões de carros este ano. Isso marcaria um declínio de 13% em relação aos 10,46 milhões do ano passado, mas é uma melhora em relação às perspectivas anteriores de queda de 15%.

A Toyota espera ser mais atingida na América do Norte, seu maior mercado, representando cerca de 25% de suas vendas globais e onde vê uma queda anual de 14% nas vendas.

Uma queda de 62% na região durante o primeiro trimestre levou a uma queda de 50% nas vendas globais consolidadas, indo a 1,16 milhão de unidades.

Mas como as vendas caíram na maioria das regiões, a China tem sido um ponto positivo para a Toyota. A demanda no maior mercado de automóveis do mundo se recuperou mais rapidamente do que em outros lugares, já que o país reprimiu a pandemia e reabriu sua economia.

A Toyota espera que as vendas globais melhorem gradualmente até dezembro, voltando ao normal entre janeiro e março de 2021 e aumentando 5% no próximo ano. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Participe do canal Forbes Saúde Mental, no Telegram, e tire suas dúvidas.

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).