Boeing tem quarto prejuízo trimestral seguido com queda nas vendas

Forbes/Reprodução
Forbes/Reprodução

A companhia teve prejuízo de US$ 1,39 por ação no terceiro trimestre encerrado em 30 de setembro

A Boeing divulgou seu quarto prejuízo trimestral consecutivo hoje (28), com a crise do coronavírus e a suspensão do jato 737 MAX afetando as vendas, enquanto reafirmou sua expectativa de que as entregas da aeronave nos Estados Unidos sejam retomadas antes do final do ano.

O fabricante de aviões disse que as vendas no setor de defesa caíram 2%, para US$ 6,85 bilhões, enquanto a receita de jatos comerciais caiu 56%, para US$ 3,60 bilhões.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

Excluindo itens, a Boeing teve prejuízo de US$ 1,39 por ação no terceiro trimestre encerrado em 30 de setembro. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).