“Há boa chance de chegarmos a acordo com a UE”, diz ministro britânico

Nur Photo/Getty Images
Nur Photo/Getty Images

O Reino Unido e a União Europeia buscam acordo antes do final de 2020

O Reino Unido e a União Europeia têm uma boa chance de chegar a um acordo sobre suas relações futuras, disse o ministro britânico para a Irlanda do Norte, Brandon Lewis, hoje (25).

O Reino Unido deixou a UE em janeiro, mas os dois lados estão tentando selar um acordo de quase US$ 1 trilhão em comércio anual, antes que o período de transição termine no dia 31 de dezembro.

LEIA MAIS: Ant Group pode levantar até US$ 35 bilhões com listagem simultânea em Hong Kong e Xangai

As negociações foram retomadas na semana passada, depois que o Reino Unido recuou, frustrado, com o que considerou uma relutância da UE em se comprometer com questões-chave no acordo. Na sexta-feira (23), o Reino Unido disse que houve bom progresso desde o reinício das conversas.

O jornal britânico Sunday Telegraph disse que o negociador-chefe da UE, Michel Barnier, planeja estender sua estadia em Londres até quarta-feira.

Questionado sobre essa informação e as perspectivas gerais de um acordo, Brandon Lewis disse à BBC: “Sou sempre um otimista… e espero e acredito que exista uma boa chance de conseguirmos um acordo, mas a União Europeia precisa entender que cabe a eles se movimentarem também.”

LEIA TAMBÉM: Mode se torna a primeira empresa da bolsa de Londres a converter ativos em bitcoin

Lewis reafirmou a posição do governo de que prefere sair sem um acordo –um cenário que ele chama de saída à australiana– do que aceitar um acordo que não seja do interesse do Reino Unido. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).