Ibovespa descola do exterior e opera com leves quedas nesta sexta-feira

O Ibovespa abre último pregão da semana com leves quedas, recuando 0,34% aos 98.721 pontos nos primeiros negócios do dia com o mercado apostando na cautela diante do incerto cenário internacional. O dólar também trabalhava com leve correção nesta manhã, perdendo 0,12% e negociado a R$ 5,61 na venda às 10h31, horário de Brasília.

Na noite de ontem, a CSN (CSNA3) deu início à temporada de balanços no Brasil, reportando lucro líquido de R$ 1,26 bilhão no 3T, ante prejuízo de R$ 870 milhões no mesmo período do ano anterior.

Do lado dos indicadores, levantamento do IBGE divulgado nesta manhã mostra um crescimento na taxa de desemprego, para 14,4% na semana encerrada em 26 de setembro, ante 13,7% na semana anterior. Já o Índice Geral de Preços-10 (IGP-10), da FGV, desacelerou o ritmo de altas, caindo a 3,20% em outubro, contra um avanço de 4,34% no mês anterior, puxado pela queda nos preços de commodities que colaborou para o arrefecimento da inflação no atacado.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

No cenário político, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) voltou a defender a regulamentação do teto dos gastos. “É impossível você abrir o próximo ano ou aprovar o Orçamento para o próximo ano antes de aprovar a PEC emergencial, é impossível”, disse em evento do banco BMG. “Do meu ponto de vista é impossível você ter um Orçamento aprovado para 2021 esse ano se a emenda constitucional não estiver aprovada, do meu ponto de vista é um risco muito grande para o governo”, avaliou.

Olhando para o exterior, os investidores europeus voltaram hoje às compras após a liquidação do último pregão, impulsionados por balanços positivos no setor de vestuário e automobilístico. No mesmo horário, o FTSE 100 ganhava 1,37%. Apesar da correção, a Europa ainda enfrenta um cenário desafiador para o controle das infecções por coronavírus com novas restrições na circulação de pessoas e ameaça de lockdowns.

Em Wall Street, os índices recuperam o terreno positivo apoiados por resultados nas vendas do varejo que cresceram mais do que o esperado em setembro, para 1,9% no mês, ante 0,7% de expectativa dos economistas consultados pela Reuters. Na abertura, o Dow Jones subia 0,57%, o S%P 500 crescia 0,41% e o Nasdaq Composite valorizava 0,47%.

Os investidores acompanham ainda as negociações na Casa Branca para um novo pacote de estímulo à economia dos EUA. Ontem, o presidente Donald Trump pediu ao secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, que aceitasse um pacote de ajuda de aproximadamente US$ 2 trilhões. Trump também garantiu que os republicanos no Senado apoiarão o projeto, apesar da resistência dos parlamentares em aprovar outra grande rodada de recursos.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).