Ibovespa sobe mais de 1% e bate 100 mil pontos na abertura

O Ibovespa bateu os 100 mil pontos nos primeiros negócios desta terça-feira (20) impulsionado pelo bom humor dos mercados externos e por um ambiente menos conturbado – embora ainda preocupante – no cenário fiscal. Após atingir a marca, o índice trabalhava com leve correção, mas ainda no campo positivo, subindo 1,29%, aos 99.928 mil pontos.

O dólar operava com leve recuo no dia, perdendo 0,41% e negociado a R$ 5,58 refletindo o maior apetite por riscos do mercado.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

No plano doméstico, o governo e o Congresso uniram os discursos em defesa do teto dos gastos e pelo fim do auxílio emergencial em 2021, diminuindo as incertezas quanto aos rumos das contas públicas. A negociação do Renda Cidadã foi postergada para depois das eleições municipais.

Nos indicadores, levantamento da Fundação Getúlio Vargas divulgado hoje mostra que o Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) desacelerou para 2,92% na segunda prévia de outubro, ante 4,57% observados no mesmo período do mês de setembro, puxado pelo arrefecimento dos preços das commodities.

Em Wall Street, investidores acompanham com otimismo as negociações entre democratas e republicanos para um acordo fiscal. Ontem, a presidente da Câmara norte-americana, Nancy Pelosi, e o secretário do Tesouro, Steve Mnuchin, “continuaram a estreitar suas diferenças” em uma conversa por telefone de 53 minutos sobre um novo pacote de ajuda para enfrentamento ao coronavírus, escreveu o porta-voz de Pelosi, Drew Hammill, no Twitter. Na abertura, o Dow Jones subia 0,42%, acompanhada de 0,54% de ganhos para o S&P 500 e avanço de 0,61% no Nasdaq Composite.

Os índices europeus trabalham em campo misto nesta manhã com investidores acompanhando a segunda onda de coronavírus na região e possíveis impactos para a recuperação econômica, além das negociações entre Reino Unido e o bloco econômico para um acordo comercial. O FTSE ganhava 0,47%, enquanto o Stoxx 600 recuava 0,04% também às 10h47.

Também segue no radar do mercado a temporada de balanços financeiros. Hoje divulgam seus resultados em Wall Street Procter & Gamble, Netflix, Snapchat e Lockheed Martin. No Brasil, também hoje Neoenergia e Romi divulgam seus balanços do terceiro trimestre. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).