Rede D'Or pretende fazer IPO para aumentar leitos em 80% em até 5 anos

A empresa pretende expandir sua capacidade operacional com mais 5,2 mil novos leitos até 2025

Redação
Compartilhe esta publicação:
GettyImages_marrio31
GettyImages_marrio31

A empresa pretende expandir sua capacidade operacional com mais 5,2 mil novos leitos até 2025

Acessibilidade


A Rede D’Or São Luiz, maior grupo hospitalar privado do país, pretende ampliar sua oferta de leitos em cerca de 80% nos próximos cinco anos, de acordo com informações da companhia divulgadas em seu pedido de Oferta Inicial de Ações (IPO) hoje (13).

Segundo dados da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), no fim de setembro deste ano, a Rede D’Or possuía 8.505 leitos no total. A empresa pretende expandir sua capacidade operacional com mais 5,2 mil novos leitos até 2025, além da possibilidade de criação de novos hospitais representando mais de 1,7 mil novos leitos.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

“A companhia entende que há significativas oportunidades para expandir ainda mais seus negócios e sua participação de mercado em um setor altamente fragmentado”, diz o prospecto preliminar da empresa à CVM, destacando o empenho em aumentar sua participação no setor hospitalar.

De acordo com a diretoria da Rede D’Or, seu IPO será coordenado por Bank America, BTG Pactual, JPMorgan, Bradesco BBI, XP, BB-Banco de Investimento, Citi Bank, Credit Suisse, Safra e Santander Brasil. Os bancos serão responsáveis por estabelecer os parâmetros de avaliação da empresa e sua história corporativa, além de elaborar o prospecto do IPO, definindo a estrutura ideal da oferta. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: