BCE discutirá nova meta de inflação na próxima semana, diz Rehn

Meta pode ser finalizada antes do final de uma revisão de estratégia em meados de 2021

Redação
Compartilhe esta publicação:
TreePhoto / GettyImages
TreePhoto / GettyImages

Meta pode ser finalizada antes do final de uma revisão de estratégia em meados de 2021

Acessibilidade


O Banco Central Europeu vai discutir possíveis mudanças em sua meta de inflação em um seminário na próxima semana, disse hoje (13) o presidente do banco central finlandês, Olli Rehn, reforçando as expectativas de que a meta pode ser finalizada antes do final de uma revisão de estratégia em meados de 2021.

“Ao longo do outono (europeu), o ritmo de nosso trabalho estratégico acelerou”, disse Rehn a repórteres. “Na próxima semana vamos nos concentrar na meta de estabilidade de preços.”

O BCE, que agora tem como meta inflação “abaixo mas perto de 2%”, deve no futuro usar um objetivo de 2% com compromisso explícito à simetria, sugerindo que vai evitar com o mesmo vigor ficar abaixo ou acima da meta.

Isso também pode significar que, após um período abaixo da meta, o banco permitirá que ela supere a meta por algum tempo.

A revisão de estratégia do BCE vai durar até meados de 2021, mas algumas autoridades disseram que o componente da meta de inflação pode ser finalizado antes, talvez até mesmo em janeiro. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Compartilhe esta publicação: