Com foco nas eleições, Ibovespa sobe mais de 7% na semana e dólar recua para R$ 5,39

Reprodução/Forbes

O Ibovespa encerrou a sessão desta sexta-feira (6) próximo da estabilidade, com ganho de 0,17% aos 100.925 pontos. O dia foi marcado por realização de lucros e leve volatilidade nos principais mercados globais, após uma semana de fortes altas puxadas pelo otimismo no exterior com as eleições norte-americanas. Na semana, o índice brasileiro acumulou valorização de 7,4%, anulando as quedas da semana anterior.

O dólar fechou em forte queda contra o real hoje, com recuo de 2,78% e cotado a R$ 5,39 na venda, o menor patamar desde junho. Na semana, a divisa cedeu 6,3% com investidores voltando a buscar ativos de risco em meio às perspectivas cada vez maiores de uma vitória de Joe Biden.

Em meio à acirrada disputa nos EUA, mais empresas brasileiras reportaram balanços trimestrais nos últimos dias, incluindo Itaú Unibanco, que ainda anunciou planos envolvendo sua participação na XP, o que fez suas ações dispararem mais de 7% na quarta-feira. Ultrapar e Ecorodovias garantiram a ponta positiva do Ibovespa na semana com resultados do terceiro trimestre e perspectivas nos negócios.

Os índices em Wall Street finalizaram o dia com leves variações e em campo misto, também sobre efeito da realização de lucros, com queda de 0,24% para o Dow Jones, recuo de 0,03% para o S&P 500 e alta de 0,04% no Nasdaq. Na semana, no entanto, os indicadores acumulam valorização de 6,87%, 7,32% e 9,01%, respectivamente.

O avanço do democrata Joe Biden na apuração dos votos e a sinalização de um Senado com maioria republicana trouxe alívio aos investidores na semana, que consideram o equilíbrio no Congresso fundamental para o ambiente de negócios e investimentos na próxima gestão, independente do candidato vencedor.

No final desta sexta-feira, Joe Biden tinha uma pequena vantagem nos estados da Pensilvânia e da Geórgia, colocando o democrata próximo de alcançar a Casa Branca, embora o presidente Donald Trump tenha entrado com ações judiciais em diferentes estados para contestar os resultados.

“Há alguma preocupação com relação ao Biden avançar ou mesmo vir ganhar a Geórgia, então há chance de que essas cadeiras (do Senado) sigam com ele. É isso que as pessoas estão analisando quanto a isso”, disse Yousef Abbasi, estrategista de mercado global do Stonex Group Inc, em Nova York. (Com Reuters)

DESTAQUES DO IBOVESPA

Maiores Altas
PRIO3: +5,41% a R$ 34,10
BRKM5: +5,40% a R$ 24,20
IGTA3: +5,04% a R$ 33,96
HYPE3: +4,91% a R$ 31,19
IRBR3: +4,65% a R$ 6,53

Maiores Baixas
RAIL3: -3,07% a R$ 19,25
SUZB3: -2,71% a R$ 49,91
WEGE3: -2,24% a R$ 83,83
FLRY3: -2,17% a R$ 28,38
LREN3: -2,12% a R$ 41,65

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).