Não vemos sinal de inflação muito acima da meta para 2021, diz Campos Neto

Edson Souza / GettyImages
Edson Souza / GettyImages

Componentes que estão gerando inflação alta são passageiros

O presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse que as expectativas de inflação para 2021 estão caminhando mais para perto da meta, mas que a autoridade monetária não tem nenhum sinal de que “tem alguma coisa saindo muito acima da meta, nada desse tipo”.

Olhando inflações implícitas mais longas, ele avaliou que elas basicamente não oscilaram nesse tempo.

“Não é só o Banco Central que não acha que a inflação um pouco mais longa não está subindo. O mercado também não acha. Então isso é importante frisar”, afirmou ele, em entrevista gravada ao canal do YouTube MyNews na véspera, mas veiculada hoje (26).

Campos Neto reafirmou que os componentes que estão gerando inflação mais alta agora são passageiros e pontuou que a autoridade monetária está “sempre prestando atenção em tudo que está acontecendo”. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).