Reino Unido e UE retomam negociações presenciais do Brexit

A apenas cinco semanas do fim do relacionamento atual, países buscam acordo comercial .

Redação
Compartilhe esta publicação:
Simon-Dawson/Reuters
Simon-Dawson/Reuters

O negociador da UE, Michel Barnier, chegou para conversações em Londres na manhã de sábado

Acessibilidade


As negociações presenciais entre o Reino Unido e a União Europeia sobre um acordo comercial foram reiniciadas hoje (28), em mais uma tentativa de chegar a um acerto a apenas cinco semanas do fim do relacionamento atual.

O negociador da UE, Michel Barnier, chegou para conversações em Londres na manhã de sábado. Ele disse na noite de ontem (27) que estava “muito feliz” por estar de volta à cidade e que seguiria trabalhando com “paciência e determinação”.

LEIA MAIS: Brasil chega a 14,1 mi de desempregados no 3º tri

Barnier e o negociador-chefe britânico, David Frost, estão trabalhando para garantir um acordo antes que o período de transição do Reino Unido com a UE termine em 31 de dezembro. Ambos os lados pedem que o outro se comprometa nas três principais questões de contenção —pesca, ajuda estatal e como resolver quaisquer disputas futuras.

O Reino Unido deixou o bloco em 31 de janeiro deste ano e uma saída definitiva “sem acordo” iria causar confusão nas fronteiras, assustar os mercados financeiros e perturbar as cadeias de abastecimento que se estendem por toda a Europa e além –no momento em que o mundo sofre com o vasto custo econômico do surto de Covid-19.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Sobre o importante obstáculo da pesca, alguns relatos da mídia na sexta-feira apontaram que o Reino Unido rejeitou uma proposta da UE sobre o valor da cota de pesca que as frotas europeias capturam em águas britânicas que devem ser devolvidas ao Reino Unido.(Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: