Mobly e Westwing protocolam prospecto para IPO

Duas empresas de móveis e decoração pediram autorização para uma oferta primária à CVM.

Artur Nicoceli
Compartilhe esta publicação:
patpitchaya/GettyImages
patpitchaya/GettyImages

Duas empresas de móveis e decoração protocolaram a abertura de IPO

Acessibilidade


O início de dezembro está sendo a vez das lojas de móveis e decoração entrarem para o mundo dos IPOs. Na última quinta (3) foi feito o pedido de listagem em Bolsa da Westwing Comércio Varejista S.A e, ontem (7), foi protocolado o pedido da Mobly S.A.

Os pedidos são endereçados à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), órgão regulador do mercado de capitais brasileiro e responsável pela aprovação dos pedidos de abertura de Oferta Pública Inicial de ações.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

A Mobly foi fundada em 2011 e recebeu o investimento do Grupo Rocket Internet, além de outros investidores menores que ajudaram na estruturação da empresa que busca oferecer móveis, sendo mais de 180 mil produtos cadastrados e com cobertura total em território nacional.

A Westwing é um clube de compras online para móveis e acessórios de decoração de alta qualidade no Brasil. A Westwing Brasil foi fundada em 2011 e é uma subsidiária de uma multinacional alemã. A loja vende mais de 2 mil produtos por dia e não possui estoque, eles apenas compram o que os consumidores desejam no ato.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: