Estatal PPSA arrecada R$ 704,2 mi para a União em 2020

Em 2020, foram comercializados 2,8 milhões de barris de petróleo da Área de Desenvolvimento de Mero e do campo de Entorno de Sapinhoá.

Redação
Compartilhe esta publicação:
REUTERS/Ricardo Moraes
REUTERS/Ricardo Moraes

Em 2020, foram comercializados 2,8 milhões de barris de petróleo da Área de Desenvolvimento de Mero e do campo de Entorno de Sapinhoá

Acessibilidade


A Pré-Sal Petróleo (PPSA) arrecadou R$ 704,2 milhões para a União no ano passado, somando um total de R$ 2,8 bilhões desde 2018, informou hoje (12) a estatal de petróleo e gás, responsável por representar o Brasil nos contratos de partilha de produção, em áreas do pré-sal.

Do montante total arrecadado em 2020, R$ 627,8 milhões foram referentes à comercialização da parcela de petróleo e gás da União sob gestão da companhia, volume 33,5% superior ao de 2019 e 119% ao de 2018, quando a empresa iniciou a atividade.

Os R$ 76,4 milhões restantes foram arrecadados por meio de um Acordo de Equalização de Gastos e Volumes assinado entre a PPSA e a Petrobras em junho de 2020, explicou a empresa.

O acordo é referente à parcela da União na produção de petróleo e gás natural no campo de Tartaruga Verde Sudoeste, objeto de contrato de partilha de produção assinado em 17 de dezembro de 2018.

Em 2020, foram comercializados 2,8 milhões de barris de petróleo da Área de Desenvolvimento de Mero e do campo de Entorno de Sapinhoá, que operam em regime de partilha de produção, e 37,7 milhões de metros cúbicos de gás dos campos de Entorno de Sapinhoá, Tartaruga Verde Sudoeste e Tupi.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Desde 2018, a PPSA já arrecadou R$ 2,68 bilhões para a União, sendo R$ 1,38 bilhão com a atividade de comercialização do petróleo e gás e R$ 1,3 bilhão com equalizações de gastos e volumes realizadas pela companhia em áreas onde a União tem participação nos Acordos de Individualização da Produção. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: