FMI defende mais gastos no mundo em meio a pandemia

Kristalina Georgieva, do FMI, acredita que o mundo deveria abraçar mais gastos para ajudar a dar um novo fôlego às suas economias.

Redação
Compartilhe esta publicação:
REUTERS/Denis Balibouse
REUTERS/Denis Balibouse

Kristalina Georgieva, do FMI, acredita que o mundo deveria abraçar mais gastos para ajudar a dar um novo fôlego às suas economias

Acessibilidade


Os formuladores de política econômica em todo o mundo deveriam abraçar mais gastos para ajudar a dar um novo fôlego às suas economias cambaleantes, disse hoje (15) a diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) em fórum econômico anual na Rússia.

“Em termos de políticas para agora, (o que é) muito incomum para o FMI, a partir já de março eu sairia e diria: ‘por favor, gaste’. Gaste o máximo que puder e depois gaste um pouco mais”, afirmou Kristalina Georgieva. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: