IMC fecha acordo com Pizza Hut sobre abertura de lojas

Mario Anzuoni/Reuters
Mario Anzuoni/Reuters

A IMC afirmou que o reequilíbrio dos termos do acordo original lhe assegura o direito de ser a master franqueada exclusiva da rede no Brasil

A International Meal Company (IMC) chegou a acordo com a Pizza Hut para expansão dos prazos do plano de abertura de lojas, enquanto ainda negocia uma repactuação do atual contrato com a Kentucky Fried Chicken (KFC), segundo fato relevante hoje (19) à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

“A companhia tem adotado uma série de medidas visando a mitigar os impactos da pandemia da Covid-19 nos seus negócios, incluindo a renegociação de suas debêntures, determinados contratos financeiros e contratos de locação”, afirmou a IMC.

LEIA MAIS: IMC anuncia incorporação de detentora dos direitos da Pizza Hut e KFC no Brasil

No caso da Pizza Hut, a empresa afirmou que o reequilíbrio dos termos do acordo original lhe assegura o direito de ser a master franqueada exclusiva da rede no Brasil.

Quanto à KFC, a IMC disse que há divergências quanto à aplicação de penalidades e à revisão de prazos e metas para a abertura de lojas; e que foi notificada de denúncia do referido contrato pela rede norte-americana, com efeitos imediatos.

A empresa comunicou que foi negado seu pedido liminar, apresentado em medida cautelar pré-arbitral, de que fosse mantido em vigor o contrato com a KFC até que as divergências fossem resolvidas.

A IMC disse que está analisando medidas a serem adotadas, “que podem incluir o requerimento de procedimento arbitral em face da KFC, a fim de preservar os seus direitos e alcançar uma solução para a controvérsia visando ao melhor interesse da companhia”. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).