TSMC tem lucro trimestral recorde, vendo salto na receita e em gastos de capital

O preço das ações da fabricante de chips subiu mais de 70% nos últimos 12 meses.

Redação
Compartilhe esta publicação:

Forbes/Reprodução

Acessibilidade


A Taiwan Semiconductor Manufacturing (TSMC) divulgou hoje (14) seu melhor lucro trimestral da história e elevou as estimativas de receita e de gastos de capital para níveis recordes, prevendo que terá “vários anos de oportunidades de crescimento”.

A maior fabricante de chips terceirizada do mundo está cada vez mais otimista à medida que o trabalho remoto em meio à pandemia de coronavírus impulsiona a demanda por chips avançados para alimentar dispositivos premium – demanda que deve continuar a crescer à medida que a tecnologia 5G e os aplicativos de inteligência artificial são adotados mais amplamente.

A TSMC agora espera aumentar os gastos de capital na produção e desenvolvimento de chips avançados para entre US$ 25 bilhões e US$ 28 bilhões este ano, até 60% a mais do que o valor gasto em 2020.

Ela também revisou suas metas da taxa composta de crescimento anual para a receita durante o período de 2020 a 2025 para 10% a 15% de uma estimativa anterior de 5% a 10%.

A demanda por chips tem sido tão alta que fabricantes ao redor do mundo estão alertando sobre a escassez. Diversas montadoras viram seus cronogramas de produção atingidos por oferta insuficiente, levando a TSMC a ver um salto na demanda das montadoras no quarto trimestre.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Estamos trabalhando com nossos clientes para mitigar o impacto da escassez”, disse o presidente-executivo C. C. Wei a analistas, sem dar mais detalhes.

A escassez tem várias causas, dizem executivos da indústria e analistas, incluindo a compra em massa da gigante chinesa de tecnologia Huawei, um incêndio numa fábrica de chips no Japão, paralisações causadas pelo coronavírus no sudeste da Ásia e uma greve na França.

Parcialmente ajudado pelo lançamento do iPhone 12 da Apple, o lucro líquido da TSMC para o quarto trimestre disparou 23% para 142,8 bilhões de dólares taiwaneses (US$ 5,1 bilhões), superando estimativa de consenso da Refinitiv de 135,39 bilhões. A receita saltou 22% para o recorde de US$ 12,68 bilhões.

A TSMC previu que a receita do primeiro trimestre atingiria um novo recorde entre US$ 12,7 bilhões e US$ 13 bilhões, ante US$ 10,3 bilhões no mesmo período do ano anterior. O preço das ações da fabricante de chips subiu mais de 70% nos últimos 12 meses, dando a ela um valor de mercado de US$ 560,7 bilhões. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: