Onde investir em fevereiro? Veja as ações mais recomendadas do mês

Berkah/GettyImages
Berkah/GettyImages

O Forbes Money avaliou dezoito recomendações de corretoras e instituições financeiras

A Vale segue na liderança das recomendações dos analistas para o mês de fevereiro, seguida por Petrobras e Magalu, mas com o início da vacinação no Brasil, as plataformas de investimentos já passaram a incluir em suas recomendações ativos de empresas que devem se beneficiar com o controle da pandemia e retomada econômica, como a Azul que, apesar de não ser uma das mais recomendadas de fevereiro, está na mira dos analistas e aparece em três sugestões para o mês.

Os relatórios destacam ainda os possíveis impactos da temporada de balanços do quarto trimestre do último ano sobre o desempenho dos ativos no mês. Para a XP, o setor que deve se destacar em resultados é o segmento de supermercados. “Acreditamos que, nos próximos meses, a perspectiva de curto prazo do setor siga positiva uma vez que o consumo em casa deve continuar sendo uma realidade, enquanto a recuperação gradual do consumo fora de casa (bares, restaurantes e transformadores) contribui para a performance do Atacarejo”.

O Forbes Money avaliou dezoito recomendações de corretoras e instituições financeiras para compilar os ativos mais sugeridos no mês. Veja o que está sendo dito sobre as três principais ações recomendadas para fevereiro:

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

Vale (VALE3)

Para a Órama Investimentos, os pontos positivos da Vale são o crescimento da demanda por minério, a alta do dólar e as relações mais estáveis entre os Estados Unidos e os países asiáticos. Contudo, os investidores devem ficar atentos à volatilidade dos preços do minério e do dólar, avalia a plataforma.

Com a eleição do presidente norte-americano Joe Biden, as tensões entre os EUA e a China foram amenizadas. O governo de Biden analisará as medidas de segurança nacional postas em prática pelo ex-presidente Donald Trump. A secretária da Casa Branca, Jen Psaki, informou que o governo está focado na relação econômica entre os dois países. Assim, o ambiente político e comercial entre os países torna o cenário mais positivo para as commodities.

Petrobras (PETR4)

Em relatório, a Ativa Investimentos, avalia que os prognósticos são positivos para a Petrobras no médio prazo. Ao mostrar resiliência operacional e disciplina financeira para suportar a queda da demanda e a fraqueza do preço do Brent, “enxergamos uma potencial alta na performance sob as possíveis melhores condições mercadológicas no segundo semestre de 2020”.

Seguimos recomendando o ativo face à possibilidade dos ganhos de eficiência via desinvestimentos, corte de despesas operacionais e otimização de custos ainda não estarem embutidas em seu preço.

Magazine Luiza (MGLU3)

Para a Toro Investimentos, os investidores devem ficar atentos a um possível movimento de correção das varejistas no início de 2021, com alguns ativos voltando a operar em patamares de preço atrativos aos investidores.

“Acreditamos que esse cenário acaba trazendo gatilho de compra para empresas como Magazine Luiza (MGLU3). A companhia, que já tem seu favoritismo no mercado em detrimento de sua boa posição no e-commerce e no varejo de bens duráveis, deve continuar apresentando números atrativos para as próximas divulgações de resultado, o que deve impulsionar ainda mais os preços no mês de fevereiro”.

Principais destaques de fevereiro das carteiras analisadas:

Vale (VALE3) – 11 recomendações
Petrobras (PETR4) – 6 recomendações
Magazine Luiza (MGLU3) – 4 recomendações
Bradesco (BBDC4) – 4 recomendações
B3 (B3SA3) – 4 recomendações
Weg (WEGE3) – 4 recomendações
Azul (AZUL4) – 3 recomendações
Eneva (ENEV3) – 3 recomendações
JBS (JBSS3) – 3 recomendações
Banco do Brasil (BBAS3) – 3 recomendações
Cosan (CSAN3) – 3 recomendações
YDUQS (YDUQ3) – 2 recomendações
Simpar (SIMH3) – 2 recomendações
Cosan (RLOG3) – 2 recomendações
Portobello (PTBL3) – 2 recomendações
BR Malls (BRML3) – 2 recomendações
Totvs (TOTS3) – 2 recomendações

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).