IPO da CSN Mineração sai a R$ 8,50 e movimenta R$ 5,2 bilhões

A oferta inicial de ações (IPO) da CSN Mineração foi precificada a R$ 8,50 cada, movimentando R$ 5,2 bilhões, segundo informações publicadas na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) hoje (12).

O preço saiu no piso da faixa indicativa dos coordenadores da oferta, que ia até R$ 11,35.

LEIA MAIS: Ibovespa fecha em alta, mas perde 0,6% na semana com incertezas domésticas

Com a venda de R$ 1,37 bilhão em ações novas, a companhia pretende investir em projetos como Itabirito P15 e de recuperação de rejeitos de barragem Pires e Casa de Pedra, a principal mina da empresa, localizada em Congonhas (MG).

Além disso, a siderúrgica CSN, a Japão Brasil e a sul-coreana Posco levantaram o equivalente a R$ 3,85 bilhões com a venda de participações no negócio.

Antes da oferta, a CSN tinha 87,5% da CSN Mineração e, pelo cálculos da companhia, após a operação, sem considerar os lotes adicionais de papéis, reduziria essa fatia para 79,1%.

A ação deve estrear na Bovespa na próxima quinta-feira (18). (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).