BNDES tem lucro recorde em 2020 de R$ 20,7 bilhões

Resultado foi impulsionado por vendas de participações em empresas e oferta de ações

Redação
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) registrou lucro recorde de R$ 20,7 bilhões no ano passado, alta de 17% em relação a 2019, em resultado puxado pela oferta de ações da Petrobras, além da venda de participação na Vale e Suzano.

O lucro líquido do 4° trimestre foi de R$ 6,9 bilhões. Já o índice de inadimplência do BNDES (90 dias) ficou em 0,01%, e retornou ao patamar de 2013 e inferior aos 2,12% registrados pelo Sistema Financeiro Nacional.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

“Foi excepcional”, afirmou o presidente do banco, Gustavo Montezano, ao comentar os resultados, e citou que os desinvestimentos ultrapassaram R$ 45 bilhões.

O BNDES atingiu em 2020 desembolsos de R$ 64,9 bilhões, alta também de 17% na comparação ano a ano, encerrando o período 120 projetos em carteira e possibilidade de investimentos de mais de R$ 200 bilhões. “O que fizemos em 2020 podemos repetir em 2021“, afirmou Montezano. (com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: