Raia Drogasil tem lucro de R$ 198,5 mi no 4º tri e reitera guidance de abertura de lojas

A Raia e Drogasil (RD) registrou lucro líquido de R$ 198,5 milhões no quarto trimestre do ano passado, alta de 38,5% em relação ao mesmo período de 2019, mostraram dados da rede de varejo farmacêutico no final de ontem (9).

Em termos ajustados, a companhia apurou lucro líquido de R$ 213,7 milhões, alta de 27% ano a ano. A receita bruta da dona das redes RD avançou 16,7%, para R$ 5,9 bilhões no período, com crescimento de 10,2% nas vendas mesmas lojas e de 6% nas lojas maduras.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

As despesas com vendas de outubro a dezembro de 2020 totalizaram R$ 1 bilhão, equivalente a 17,5% da receita bruta, uma diluição de 0,8% frente ao mesmo período do ano anterior.

O resultado operacional medido pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado aumentou para R$ 430,8 milhões, de R$ 350,4 milhões em 2019, enquanto a margem passou de 7% para 7,3%.

No último trimestre de 2020, a companhia teve um fluxo de caixa livre positivo de R$ 425,1 milhões, com uma geração de caixa total de R$ 358 milhões. O ciclo de caixa no período foi 4,7 dias menor quando comparado ao mesmo trimestre do ano anterior. Os estoques diminuíram em 5,8 dias, enquanto recebíveis aumentaram 1,6 dia.

A dívida líquida ajustada ficou em R$ 819,5 milhões, ante R$ 923,4 milhões no final do ano anterior. A dívida líquida ajustada sobre o Ebitda foi de 0,6 vez, de 0,7 vez um ano antes.

A RD afirmou que encerrou 2020 com 2.299 unidades do varejo em operação, além de 4 lojas da 4Bio – foram 240 aberturas e 11 encerramentos no ano passado. A rede reiterou guidance de 240 aberturas brutas por ano para 2021 e 2022. (com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).