You, Inc. pretende lançar R$ 1,1 bilhão em empreendimentos e estuda retomada de IPO em 2021

Divulgação/Forbes
Divulgação/Forbes

“Você tem que ficar perseguindo para descobrir novos meios de atingir o consumidor, e isso realmente não é fácil”, avalia Abrão Muszkat, CEO e fundador da You, Inc.

Enquanto muitos em 2020 buscaram refúgio fora dos grandes centros urbanos durante o trabalho remoto, outros aproveitaram para investir em propriedades compactas, projetadas para uma rotina limitada a alguns metros quadrados, mas localizadas em áreas estratégicas de metrópoles como a cidade de São Paulo. Esse movimento foi o motor do crescimento de 350% no lucro líquido da You, Inc. no último ano, para R$ 137 milhões com VGV (Valor Geral de Vendas) de R$ 928 milhões no período.

A companhia foi beneficiada pela recuperação do setor imobiliário no último ano. De acordo com a Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança), o crescimento nos financiamentos imobiliários chegou a R$ 123,9 bilhões em 2020, alta de 58% na comparação com 2019. O resultado marcou um recorde histórico de financiamento com recursos do SBPE (Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo) ao superar os patamares de 2014, que acumulou R$ 112,9 bilhões.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

Em março do ano passado, as perspectivas positivas para a expansão dos negócios motivaram a incorporadora a pedir registro para sua primeira Oferta Pública Inicial, o famoso IPO, com o objetivo de captar cerca de R$ 1 bilhão. Cinco meses depois, em função das condições do mercado, a You, Inc. suspendia os planos da oferta. Segundo a companhia, os pedidos de reserva das ações realizados por investidores não institucionais somaram R$ 489 milhões, menos da metade do projetado no prospecto.

“Adiamos o nosso IPO e estamos acompanhando o mercado neste momento. Mesmo outras companhias que estão acessando o mercado estão encontrando dificuldades, vamos aguardar o melhor momento para a retomada, que está prevista para este ano, mas tudo vai depender da movimentação de mercado”, explica o CEO e fundador da You, Inc., Abrão Muszkat.

Sem o IPO, a empresa optou por utilizar os recursos do forte caixa gerado no último ano, de R$ 600 milhões, e realizar uma nova captação via Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI) para cumprir os objetivos postos à mesa em 2021: atingir R$ 1,1 bilhão em VGV e lançar nove novos empreendimentos localizados próximos a eixos de mobilidade na capital paulista.

Pé direito alto e digital

Apesar de comuns nos cenários das grandes cidades, o conceito de vida em imóveis compactos já não é unanimidade entre novas gerações, mas ainda atraem jovens profissionais com até 35 anos, solteiros ou casais que não planejam filhos. Combinar a busca de clientes por mais qualidade de vida em estúdios ou apartamentos de um dormitório demandava uma solução arquitetônica pela incorporadora: o pé direito alto, que nada mais é do que a distância entre piso e o teto do imóvel, com impacto na ventilação e temperatura do ambiente

Com o pé direito previsto em todos os lançamentos, o desafio da You, Inc. era capacitar suas equipes para atuar no ambiente digital, responsável por 60% do primeiro contato dos clientes com a empresa. “O nosso primeiro grande desafio foi capacitar esse time, de modo a deixá-los aptos a usar as ferramentas digitais e não digitais. A gente formou um time híbrido: o corretor, que antes fazia duas ou três visitas por dia, passou a fazer cinco, sendo duas presenciais e outras online. Além disso, implementamos um núcleo digital dentro do departamento de marketing, que antes era um serviço terceirizado e hoje é muito forte na empresa”, explica a diretora institucional da companhia, Tatiana Muszkat.

Já em janeiro de 2020, quando a Covid-19 era um problema limitado ao território asiático, a You implementava a digitalização de todos os contratos de imóveis, processo que meses depois favoreceu o ritmo de vendas da companhia, quando as quarentenas fecharam cartórios e demandaram rápida adaptação das burocracias ao ambiente 100% digital. Para se aproximar dos clientes, a plataforma da empresa oferece ainda acompanhamento em tempo real da construção e até mesmo de pequenas reformas e ajustes realizados nas unidades.

Tendências do Mercado

Na visão do CEO da incorporadora, a demanda ainda reprimida do setor imobiliário e o patamar baixo da taxa de juros devem continuar favorecendo o setor em 2021. “O mercado atravessa um bom momento, existiram dificuldades nos três anos antes de 2019, então a demanda voltou muito forte para nós, e ela continua forte, mas agora está um pouco interrompida e não é que o cliente parou de comprar, mas você não consegue acessar o cliente, o maior desafio desse ano é você conseguir chegar ao cliente”, avalia.

Muszkat projeta uma retomada nos lançamentos no segundo semestre deste ano, expectativa, todavia, ancorada no avanço da vacinação. “Nós devemos continuar comprando à medida que sentirmos um pouco mais claro o que está acontecendo aqui. A empresa entrou neste ano muito forte, com mais de R$ 2,5 milhões em terrenos na casa”, afirma o executivo, acrescentando que “o que eu posso tirar de lição é que você tem que ficar perseguindo para descobrir novos meios de atingir o consumidor, e isso realmente não é fácil.”

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).