Big Techs superam estimativas de balanços e consolidam crescimento durante a pandemia

O grupo das gigantes do setor, conhecido como FAANG, trouxe resultados no primeiro trimestre acima das expectativas do mercado

Kariny Leal
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

O grupo das gigantes do setor, conhecido como FAANG, trouxe resultados no primeiro trimestre acima das expectativas do mercado

Acessibilidade


As gigantes de tecnologia norte-americanas – Facebook, Amazon, Apple, Netflix e Google – concluíram nesta semana a divulgação dos balanços financeiros do primeiro trimestre de 2021, com resultados que revelam mais um período de ganhos robustos para as techs durante a pandemia. O grupo, conhecido como FAANG, reportou de forma combinada lucro de US$ 60,8 bilhões nos primeiros três meses deste ano. Como exceção da Netflix, que frustrou suas próprias projeções de novos assinantes, os resultados das companhias vieram acima das expectativas dos analistas.

A plataforma de streaming foi a primeira do seleto grupo a apresentar seus números no dia 21 de abril, com lucro líquido de US$ 1,7 bilhão, acima dos US$ 542,2 milhões do quarto trimestre de 2020 e dos US$ 709 milhões do mesmo período do ano anterior. No entanto, a companhia decepcionou em novos assinantes: apesar da previsão da Netflix de ganhar 6,2 milhões de clientes, a captação foi de somente 3,98 milhões. No fim de março, a Netflix somava 207,6 milhões de assinantes ao redor do mundo. A empresa alegou que a pandemia afetou suas projeções.

VEJA TAMBÉM: Samsung retoma da Apple o posto de maior fabricante de smartphones

Alphabet, controladora do Google, registrou US$ 17,9 bilhões em lucro no primeiro trimestre de 2021, ante os US$ 15,2 bilhões no último trimestre de 2020, marcando os três meses mais rentáveis da história da empresa. Os negócios de computação em nuvem, além das vendas de anúncios, foram responsáveis pelos ganhos do período e reforçaram a resiliência do core business da companhia.

Na última quarta-feira (28), Apple e Facebook divulgaram seus resultados do primeiro trimestre. A empresa de eletrônicos de Tim Cook superou as expectativas e registrou receita recorde no período, de US$ 89,58 bilhões, ante estimativa de US$ 77 bilhões. O lucro da companhia foi de US$ 23,63 bilhões, ou US$ 1,40 por ação, 110% maior que o mesmo período do ano passado.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Cook, em comentários após a divulgação, afirmou que a Apple já pode ver sinais de recuperação da economia, e que tem perspectivas positivas para os Estados Unidos. A Apple anunciou um programa de recompra de US$ 90 bilhões em ações logo após o balanço.

LEIA MAIS: Bezos diz que Amazon precisa fazer mais por funcionários em última carta como presidente

Já o Facebook se beneficiou das vendas de anúncios e registrou alta anual de 94% em seu lucro líquido, para US$ 9,5 bilhões. A receita foi de US$ 26,17 bilhões, subindo 48%. A rede social viu sua receita de anúncios subir 46% em relação ao quarto trimestre de 2020, para US$ 24,44 bilhões. David Wehner, diretor financeiro do Facebook, diz que o resultado foi beneficiado pelo aumento de 30% anual no preço médio por anúncio e de 12% no número de anúncios entregues.

Para completar as FAANG, a Amazon divulgou resultado ontem (29), após o fechamento do mercado. A companhia de Jeff Bezos conseguiu triplicar seu lucro para US$ 8,1 bilhões, e acumulou receita de US$ 108,52 bilhões, ante expectativa de US$ 104,47 bilhões.

O guidance da Amazon para o próximo trimestre reflete a expectativa da empresa de manter o bom momento. A companhia estima alcançar receita entre US$ 110 bilhões e US$ 116 bilhões, acima do esperado pelo consenso de US$108,6 bilhões.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na AppStore.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: