Encomendas à indústria nos EUA recuam em fevereiro

Alwyn Scott/Reuters
Alwyn Scott/Reuters

Clima frio fora do comum é apontado como responsável pelo impacto na indústria norte-americana, apesar do setor apresentar força durante a recuperação econômica

As novas encomendas de produtos fabricados nos Estados Unidos recuaram em fevereiro, provavelmente pressionadas pelo clima frio atípico, embora a manufatura permaneça forte conforme a recuperação econômica retoma a força em meio à melhora da situação sanitária e do forte estímulo fiscal.

O Departamento do Comércio disse hoje (5) que as encomendas à indústria recuaram 0,8% após salto de 2,7% em janeiro. Economistas consultados pela “Reuters” previam queda de 0,5% em fevereiro. Na comparação anual, as encomendas subiram 1,0%.

LEIA TAMBÉM: Inflação da Turquia vai acima de 16% em teste para novo presidente do BC

O clima rigoroso afetou grandes partes do país, incluindo tempestades de inverno no Texas e em outras partes do Sul, na segunda metade de fevereiro, prejudicando os gastos dos consumidores, a produção nas fábricas, a construção de moradias e as vendas.

Mas isso já ficou para trás. O Instituto de Gestão de Fornecimento (ISM, na sigla em inglês) disse na semana passada que seu índice para a atividade industrial nacional saltou em março para o nível mais alto desde dezembro de 1983.

A manufatura, que responde por 11,9% da economia dos EUA, tem sido impulsionada por um deslocamento da demanda durante a pandemia de serviços para bens. (Com Reuters)

 

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).