Escassez de chips limita recuperação do setor automotivo, diz Volkswagen

A demanda está aumentando nos Estados Unidos, Brasil e China, segundo Herbert Diess, presidente-executivo da montadora alemã

Redação
Compartilhe esta publicação:
picture alliance/GettyImages
picture alliance/GettyImages

A demanda está aumentando nos Estados Unidos, Brasil e China, segundo Herbert Diess, presidente-executivo da montadora alemã

Acessibilidade


A escassez de semicondutores é o único fator que pesa na recuperação global do setor automotivo diante da crise provocada pelo coronavírus, disse Herbert Diess, presidente-executivo da Volkswagen hoje (15).

A demanda está aumentando nos Estados Unidos, Brasil e China, disse Diess na feira de negócios Hannover Messe, acrescentando que a segunda maior montadora do mundo também está trabalhando com grande entrada de pedidos na Europa.

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

“A única coisa que atualmente está limitando e desacelerando essa recuperação é a situação crítica de fornecimento de vários tipos de semicondutores em todo o mundo”, disse Diess.

Os comentários vieram um dia após a Ford estabelecer outra série de paralisações de fábricas devido à escassez, com cinco instalações nos Estados Unidos e uma na Turquia sendo afetadas. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: