eBay diz estar aberto a aceitar criptomoedas e tokens no futuro

O presidente-executivo da companhia, Jamie Iannone, disse que aceitar moeda virtual é uma opção que a empresa está considerando

Redação
Compartilhe esta publicação:
Busakorn Pongparnit/Getty Images
Busakorn Pongparnit/Getty Images

Um número crescente de empresas começou a aceitar moedas virtuais como forma de pagamento

Acessibilidade


O eBay está aberto à possibilidade de aceitar criptomoedas como forma de pagamento no futuro e está procurando maneiras de trabalhar com tokens em sua plataforma, disse a empresa hoje (3).

Um número crescente de empresas começou a aceitar moedas virtuais como forma de pagamento, adotando uma classe de ativos que havia sido rejeitada por grandes instituições financeiras até alguns meses atrás.

LEIA MAIS: Valor das moedas virtuais ultrapassa os US$ 30 bilhões

“Estamos sempre buscando as formas de pagamento mais relevantes e continuaremos avaliando isso daqui para frente. Não temos planos imediatos, mas (criptomoeda) é algo que estamos de olho”, disse o eBay em um comunicado à Reuters.

Em uma entrevista ao CNBC (Consumer News and Business Channel), o presidente-executivo do eBay, Jamie Iannone, disse que aceitar moeda virtual é uma opção que a empresa está considerando.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O eBay, que decepcionou investidores com uma previsão fraca de lucro para o segundo trimestre na semana passada, disse que está analisando uma série de maneiras de entrar no mercado de tokens.

Os tokens digitais, uma espécie de código eletrônico que existe em uma blockchain, explodiram em popularidade este ano, sendo usados em obras de arte que foram vendidas por milhões de dólares. O grupo de rock Kings of Leon os adotou para seu último álbum.

“Estamos analisando oportunidades de como podemos habilitá-los (tokens) no eBay de uma maneira simples”, disse Iannone à CNBC. “Tudo o que é colecionável está no eBay há décadas e continuará presente nas próximas décadas.” (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: